• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    D’Alessandro completa 20 anos de carreira

    À época, Américo Rubén Gallego não devia imaginar, mas, ao alçar o jovem Andrés Nicolás D’Alessandro a campo na partida contra o Unión Santa Fé, válida pelo campeonato argentino, o então técnico do River Plate escreveu seu nome em uma das mais ricas e vitoriosas narrativas já vistas no esporte sul-americano. Disputado há exatos 20 anos, o duelo foi o primeiro da carreira profissional de D’Ale.

    “Eu precisava do Inter,

    e o Inter apareceu!”

    D’Alessandro sobre a chegada ao clube do povo

    Já tricampeão nacional e somando importantes exibições nos gramados latino-americanos, o ídolo partiu, em 2003, rumo ao velho continente, onde atuou com as cores de Wolfsburg-ALE, Portsmouth-ING e Zaragoza-ESP. Ao mesmo tempo, D’Ale acumulou exibições pela Seleção de seu país, inclusive conquistando a medalha de ouro nas Olimpíadas de Atenas, disputadas na temporada seguinte à de sua negociação com o futebol europeu.

    D’Ale retornou da Península Ibérica, por breve semestre, em 2008, emprestado ao San Lorenzo. Vestindo azulgrana atraiu a atenção do Inter, iniciando negociação que encontrou seu final feliz já no último dia de julho, quando o craque desembarcou na capital gaúcha e deu início a sua história no Clube do Povo. Casamento inaugurado, inclusive, na hora certa, como define o próprio ídolo. “Eu precisava do Inter, e o Inter apareceu!”

    No Beira-Rio o craque virou lenda, que a cada quarta e domingo enriquece, pela afinada canhota, sua mística temida por adversários e reverenciada por colorados e coloradas. Aqui, tornou-se o argentino com mais partidas disputadas em Libertadores e viveu quase 12 de seus 20 anos de carreira, todos repletos de magia, La Boba, assistências, golaços, emoções e, principalmente, títulos.

    Andrés Nicolás D’Alessandro

    Campeão de Libertadores, Sul-Americana, Recopa e Suruga pelo Clube do Povo, após o treino desta quinta-feira (28/05) o atleta, que ainda soma seis taças Estaduais e duas da Recopa Gaúcha, concedeu entrevista especial para o Canal do Inter. Orgulhoso por completar duas décadas de carreira profissional, D’Ale aproveitou a ocasião para eleger os três momentos mais marcantes de sua vitoriosa biografia, destacar o protagonismo exercido pelo Colorado em seu currículo, comemorar mais um feito relevante que alcança enquanto atleta e comentar o atual momento que vive como jogador. Confira a íntegra na abertura da matéria. Parabéns, capitão!

    Jogador que torcer, torcedor que joga, eternizado em nossa história