Associe-se

Inter sofre a virada para o Botafogo no Beira-Rio

Inter foi superado no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

Na noite deste domingo (19/06), o Clube do Povo recebeu o Botafogo, no Beira-Rio, em partida da 13ª rodada do Brasileirão. Edenilson e Bustos marcaram os gols colorados no confronto, marcado por diversas polêmicas de arbitragem e finalizado com vitória de 3 a 2 do time adversário. Agora, o Inter volta atenções para o Coritiba, adversário na próxima sexta-feira (24/06), às 21h30, no Gigante.

+ Confira as imagens da partida;

+ Assista às coletivas pós-jogo;


Inter larga em vantagem

O Inter começou melhor no Gigante, e abriu o placar logo aos seis, quando Edenilson bateu pênalti com muita categoria para fazer o Beira-Rio explodir em festa. A cobrança saiu quatro minutos após a penalidade ser, de fato, cometida pelo zagueiro Philipe Sampaio, que usou do braço para impedir gol de Alan Patrick, irregularidade flagrada apenas pelo VAR.

Edenilson abriu o placar cobrando pênalti/Foto: Ricado Duarte

Como um rolo compressor, o Inter, que já tinha um jogador a mais, ampliou aos 13, e com classe. Pela direita, Bustos tabelou com Alan, recebeu uma assistência maravilhosa do 10 e saiu de cara com Gatito. Diante da falta de ângulo, o argentino apostou na força, e acertou um foguete cruzado para marcar o segundo. A vantagem vermelha, porém, logo foi abreviada por gol de Vinicius Lopes, que manteve o Botafogo vivo no escore.

Diversas oportunidades foram criadas pelo Colorado até o intervalo. Pela esquerda, Moisés construiu boas incursões ao campo de ataque, normalmente acionadas por Alan Patrick. Na direita, David constantemente abdicava da função de centroavante para jogar pela beirada, e também bagunçava a defesa carioca. Na melhor chance para fazer o terceiro, o Inter esbarrou em dois milagres de Gatito, que salvou chutes de Edenilson e do próprio David.

Bustos fez um golaço de perna direita/Foto: Ricardo Duarte

Arbitragem acirra os ânimos

Os holofotes da segunda etapa estiveram muito mais voltados ao juiz Sávio Pereira Sampaio do que para o desenrolar da partida. Descriteriosa e confusa – para dizer o mínimo -, a condução do jogo irritou os dois times, especialmente o Inter, que sofreu o empate aos 13. Permissivo com a cera rival, o árbitro ainda anulou gol de Mercado, que marcou para o Clube do Povo aos 49. Logo depois, os visitantes chegaram à virada, dando números finais ao embate.

Rival virou no segundo tempo/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

2min – NADA? Alan Patrick recebe com liberdade na área carioca, trava o arremate, deixa Gatito no chão e finaliza. A bola bate no braço de Philipe Sampaio, e depois é afastada por escanteio.

3min – VAR CHAMOU! Sávio Pereira revê o lance no vídeo.

6min – PÊNALTI PARA O INTER, PHILIPE EXPULSO!

7min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DO INTEEEEEEEER! É GOL DE SUPERED, É GOL DE EDENILSOOOOOOOOOOOOOON! Camisa oito bate muito bem, deslocando Gatito. Goleiro cai para o lado direito, a bola morre no canto esquerdo e faz o Gigante explodir em festa.

8min – Luís Castro, técnico rival, é expulso.

13min – GOLAAAAAAAAAAAAAAAAAÇO! MEU DEUS DO CÉU, QUE PINTURA! GOLAAAAAAAAAÇO! OBRA DE AAAAAAAAARTE NO GIGANTE! BUSTOS, BUSTOS, BUUUUUUUUUUUSTOS! QUE FOGUETE! Gabriel recupera a posse para o Inter na altura do meio de campo e deixa com Vitão, que acelera o jogo para Bustos. Lateral deixa o primeiro para trás, toca para Alan e recebe uma devolução genial do 10 colorado. Sem ângulo, mas dentro da área, ele solta uma bomba, direto na coruja da meta botafoguense. QUE PINTURA!

18min – Vinicius desconta para os visitantes.

20min – UUUUUUH! Moisés recebe pela esquerda e cruza bola venenosa na área carioca. Antes de David, Carli corta pela linha de fundo.

23min – POR CIIIIIMA! Moisés volta a escapar pela esquerda, e agora cruza por baixo. De primeira, Wanderson chega batendo de canhota e manda por cima.

28min – QUASE COOOOOOOONTRA! David liga o turbo, invade a área pela direita e cruza com estilo. Antes de Wanderson, que teria gol aberto, Carli cortou com MUITO perigo.

30min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Vinicius Lopes, de frente com Daniel, finaliza rasteiro. Goleiro do Inter salva em excelente saída do gol, mas lance já estava parado por falta em Vitão.

30min – E AGORA? Wanderson é atropelado fora do lance, na esquerda da área carioca.

32min – Carli atropela Wanderson. Perdeu a viagem, ganhou o cartão.

34min – VAR CHAMOU PELO ATROPELO EM WANDERSON.

37min – Pênalti não é marcado pois arbitragem enxerga que David estava impedido na origem da jogada.

38min – Kaique Rocha recebe o amarelo por reclamação.

42min – QUASE O TERCEIRO! David recebe de Moisés e cabeceia por cima. Era chance clara, mas anulada por impedimento na origem.

45min – Mais 10! Vamos a 55!

45min – MILAAAAAAAAAAAAAGRESSS! Wanderson, da esquerda, cruza por baixo. Edenilson domina sobre a marca do pênalti, conduz e chuta de direita. Gatito salva com o pé, e também é definitivo no rebote, diante de chute de David.

47min – Vinicius Lopes desperdiça chance importante para o Botafogo.

48min – Inter muda: Alemão substitui Wanderson.

52min – Bustos recebe de Moisés e finaliza mascado. Por cima, por pouco!

54min – Erison recebe cruzamento de Hugo e arrisca colocado. Com espaço na segunda trave, ele mandou ao lado do poste oposto, mas para fora.

55min – Intervalo no Gigante!


Segundo tempo

0min – Inter volta com mudança. Taison entra no lugar de Alan Patrick.

4min – Moisés recebe o amarelo.

6min – VALEU! Bustos, dentro da área adversária, tenta o cruzamento para Alemão. Forte demais, ela morre nas mãos de Gatito.

10min – Alemão marca para o Inter, mas lance é invalidado por mão do atacante colorado.

12min – Amarelo para Kayque, do Botafogo.

14min – Erison empata para o Botafogo.

17min – UUUUUUUUUUUUH! Pena cobra escanteio da esquerda, e Vitão, na segunda trave, cabeceia buscando o ângulo. Acertou a rede, mas de fora.

18min – Trocas no Inter. Pedro Henrique e Mauricio substituem Moisés e David.

20min – Klaus dá um cotovelaço em Alemão. Foi dentro da área, mas o árbitro ignorou.

23min – Mauricio retarda o reinício de partida e leva o amarelo.

29min – Hugo, por antijogo, leva o amarelo.

30min – Mercado também recebe o cartão.

34min – SAAAAAAAAALVA, GATITO! Depois de linda enfiada de bola de Taison, Bustos cruza da direita. Debaixo das traves, Pedro Henrique finaliza para milagre do goleiro paraguaio.

36min – Cadorini por Bustos é a última mudança no Inter.

36min – NO POOOOOOOSTE! Pedro Henrique cruza linda bola para Alemão, que finaliza de canhota. O foguete do centroavante, feito já dá área, resvala na mão de Gatito e explode no travessão.

40min – Pena recebe o amarelo. Reclamação com a cera rival.

41min – Daniel Borges por Vinicius. Muda o time visitante.

42min – Gatito, finalmente, é punido por cera. Amarelou.

44min – Erison deixa o campo. Vem Matheus Nascimento.

45min – Mais sete.

47min – Patrick, por falta em Taison, é mais um amarelado.

49min – Mercado marca para o Inter, mas em condição irregular.

50min – Saravia sai. Entra Jeffinho no time adversário.

52min – Mais três de acréscimos.

55min – Hugo marca para o Botafogo.

58min – Piazon recebeu o amarelo na comemoração.

59min – Mercado é expulso.

61min – Fim de jogo.

Pós-jogo – Grande confusão é formada no gramado do Beira-Rio, e Piazon e David são expulsos.


Ficha técnica:

Internacional (2): Daniel; Bustos (Cadorini), Vitão, Mercado e Moisés (Pedro Henrique); Gabriel, Edenilson e Carlos de Pena; Alan Patrick (Taison), David (Mauricio) e Wanderson (Alemão). Técnico: Mano Menezes.

Botafogo (3): Gatito Fernández; Saravia (Jeffinho), Joel Carli, Philipe Sampaio, Klaus e Hugo; Kayque, Patrick de Paula e Lucas Piazon; Vinicius Lopes (Daniel Borges) e Erison (Matheus Nascimento). Técnico: Luís Castro.

Gols: Edenilson, aos 7’/1ºT, e Bustos, aos 13’/1ºT (I). Vinicius Lopes, aos 18’/1ºT, Erison, aos 14’/2ºT, e Hugo, aos 49’/2ºT (B).

Cartões amarelos: Kaique Rocha, Mauricio, Carlos de Pena, Mercado e Moisés (I). Joel Carli, Gatito, Patrick de Paula, Hugo, Lucas Piazon e Kayque (B).

Cartões vermelhos: Philipe Sampaio e Lucas Piazon (B). Gabriel Mercado e David (I).

Arbitragem: Sávio Pereira Sampaio, auxiliado por Daniel Henrique Andrade e José Reinaldo Júnior. Quarto árbitro: Rafael Rodrigo Klein. VAR: Rafael Traci.

Estádio: Beira-Rio.

Público: 26.219. Pagantes: 21.878. Não pagantes: 4.341.

Renda: R$ 1.218.667,00