10/03/2013

Inter faz 5 a 0 no São Luiz e vence Taça Piratini

Inter goleou o São Luiz e ficou com a Taça Piratini

O Internacional é campeão da Taça Piratini, o primeiro turno do Gauchão! O título foi conquistado na tarde deste domingo, com grande atuação e goleada de 5 a 0 sobre o São Luiz, no Estádio 19 de Outubro, em Ijuí. Leandro Damião (2), Gabriel, D'Alessandro e Rafael Moura marcaram para o Colorado, que tem vaga assegurada na finalíssima do campeonato estadual. No entanto, se vencer a Taça Farroupilha, será automaticamente declarado tricampeão.

Na estreia do returno, no próximo domingo (17/3), o Inter enfrenta o Canoas no Complexo Esportivo da Ulbra.

> Galeria de fotos do jogo em Ijuí

> Destaques da conquista do primeiro turno

> Tabela de jogos do Gauchão

Decisão em vermelho e branco

Os finalistas da Taça Piratini tinham em comum, além da boa campanha no primeiro turno, as cores: ambos trazem as cores vermelha e branca nos seus uniformes. O Inter atuou todo de vermelho, enquanto que o mandante São Luiz usou seu fardamento todo branco com detalhes em vermelho.

Colorado segue invicto nas disputas de turnos do Gauchão

Gramado escorregadio

A chuva que caiu nos últimos três dias em Ijuí prejudicou um pouco a qualidade do gramado do Estádio 19 de Outubro. O acúmulo de água originou algumas poças de lama em certos pontos do campo, exigindo ainda da mais da capacidade técnica dos jogadores. Como atenuante, a chuva cessou horas antes da partida e até o sol voltou a brilhar.

Time conhecido

A escalação do Inter para a decisão do título do primeiro turno em nenhum momento ficou envolta em mistério. Dsede o começo da semana sabia-se a formação que efrentaroa o São Luiz, já que o técnico Dunga pôde escalar pela terceira vez consecutiva o mesmo time que havia atuado diante do Grêmio e Esportivo, nas quartas e semifinais da Piratini.

Inter se impõe no 19 de Outubro

O time da casa começou pressionando com escanteios consecutivos, mas a defesa colorada se fechou e não deu chance para a conclusão em gol. Passado o ímpeto inicial do São Luiz, o Inter tomou conta do jogo e passou a criar chances claras de gol. Aos 10min, Josimar tabelou com Forlán, invadiu a área e chutou rente à trave esquerda. Três minutos depois, D'Alessandro cruzou da esquerda e Leandro Damião concluiu no segundo poste para fora, desperdiçando grande oportunidade. Aos 18min, Damião avançou com velocidade pela direita e cruzou para o cabeceio de Forlán no meio do gol, fácil para a defesa de Oliveira.

Damião abre caminho até a taça

O Inter tinha muito mais volume de jogo e rondava a área adversária. Faltava apenas o gol, que surgiu aos 31 minutos da etapa inicial: Damião recebeu bom passe de Josimar nas proximidades da área, fez um giro rápido sobre o marcador e chutou forte, rasteiro, com o pé direito, para colocar a bola no canto esquerdo. 1 a 0! 

Damião foi o nome do jogo disputado no 19 de Outubro

Gabriel amplia

Aos 43min, o atual bicampeão gaúcho fez 2 a 0 sobre o São Luiz. Damião cruzou da direita buscando Forlán, mas a zaga afastou parcialmente. Atento, Gabriel aproveitou a sobra e emendou um forte chute para o fundo do gol, marcando pela primeira vez pelo Inter! O Colorado precisou de 45 minutos para colocar a mão na taça do primeiro turno!


Gabriel (C) marcou pela primeira vez pelo Inter

O segundo tempo começou quente. O São Luiz marcara forte e era ríspido em demasia em alguns lances. Aos 7min, houve um princípio de confusão entre os jogadores de ambos os times, depois que Marcos Paraná chutou Fabrício por trás. O árbitro Leandro Vuaden aplicou o cartão amarelo no jogador da equipe de Ijuí e esfriou os ânimos.

D'Ale faz 3 a 0

Aos 10min, Washington, que no intervalo havia entrado no lugar de Adãozinho, fez boa jogada pela direita e cruzou buscando Juba na área. Bem posicionado, Juan cortou com um carrinho providencial. Na jogada seguinte, um contra-ataque fulminante: D'Alessandro acionou Damião, que devolveu, da entrada da área, para o meia argentino bater de primeira. 3 a 0! .

O goleiro Muriel fez a sua primeira defesa na partida somente aos 17min do segundo tempo, em chute de longa distância de Eraldo. Aos 20min, Damião quase fez o seu segundo gol, em chute que passou muito perto da trave esquerda. Aos 26min, Barbosa tentou surpreender com uma paulada de fora da área, mas Muriel defendeu com segurança.

Placa para Damião!

Para coroar uma atuação mágica, Damião fez 4 a 0 aos 35min. E foi um golaço! O artilheiro percebeu o goleiro Oliveira adiantado e chutou do bico da área para colocar a bola no ângulo. Gol de placa!!! Ato contínuo a esta obra de arte, Rafael Moura e Caio entraram nos lugares de Damião e Forlán.


Damião eufórico na comemoração do quarto gol

Moura deixa a sua marca com golaço

Ainda dava tempo para mais um. Aos 46min, Rafael Moura tocou na saída do goleiro Oliveira e marcou outro golaço por cobertura. 5 a 0 no placar e gritos de "É campeão!" nas arquibancadas!

Vozes coloradas

"O Clube está bem, está forte. A gente acredita no nosso trabalho", comemorou D'Alessandro.

"Esse placar coroa todo o nosso treinamento, a nossa pré-temporada. Nos dá ainda mais confiança para o returno", disse Rafael Moura.

"Foi um baita jogo. Jogamos de forma muito equilibrada", avaliou o diretor de futebol Marcelo de Medeiros.

"Nosso time conseguiu se comportar bem, com boas alternativas de jogadas. Teve humildade para marcar e não deixar o adversário jogar. Mas foi um jogo duro, e o placar elástico não diz isso", afirmou o técnico Dunga.

"Temos uma espinha dorsal, um grupo qualificado que está querendo muito. O título de hoje é fruto do trabalho que vem sendo feito desde janeiro", observou o presidente Giovanni Luigi.

Ficha técnica:

São Luiz (0): Oliveira; Barbosa, Thiago Costa, Marcel e Elton Macaé; Baiano, Chicão, Adãozinho (Washington) e Marcos Paraná (Danilo); Juba (Tiago Duarte) e Eraldo. Técnico: Paulo Porto.

Internacional (5): Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Fabrício; Josimar (Elton), Ygor, Fred e D'Alessandro; Diego Forlán (Caio) e Leandro Damião (Rafael Moura). Técnico: Dunga.

Gols: Leandro Damião (I), aos 31 minutos do primeiro tempo, Gabriel (I), aos 43 minutos do primeiro tempo, D'Alessandro (I), aos 11 minutos do segundo tempo, Leandro Damião (I), aos 35 minutos do segundo tempo, Rafael Moura (I), aos 46 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Marcel, Marcos Paraná (SL); Fred (I).

Arbitragem: Leandro Vuaden, auxiliado por Altemir Hausmann e Rafael da Silva Alves.

Local: Estádio 19 de Outubro, em Ijuí.


Outras notícias
Loja Virtual