03/06/2005

JOGOS DA SELEÇÃO BRASILEIRA NO BEIRA-RIO

Confira as fichas técnicas de todos os jogos que a Seleção Brasileira disputou no Estádio Beira-Rio:

Jogo 1
Brasil 2x1 Peru
Data: 7 de abril de 1969
Amistoso
Árbitro: Alberto Tejada (Peru)
Gols: Jairzinho, aos 12min do 1°T, Alberto Gallardo, aos 23min do 1°T, e Gérson, aos 13min do 2°T.
Brasil: Félix; Carlos Alberto Torres, Brito, Djalma Dias e Rildo; Wilson Piazza e Gérson; Jairzinho, Dirceu Lopes, Pelé (Edu) e Tostão. Técnico: João Saldanha.
Peru: Otorino Sartor, José Fernandez, Orlando de La Torre, Héctor Chumpitaz e Jose Gonzalez; Ramon Mifflin e Victor Zegarra; Julio Baylon, Perico Leon, Teófilo Cubillas e Alberto Gallardo. Técnico: Didi.

Jogo 2
Brasil 0x2 Argentina

Data: 4 de março de 1970
Amistoso
Público: 69.345 pagantes
Árbitro: Armando Marques (Brasil)
Gols: Oscar Más, aos 22min do 2°T, e Marcos Conigliaro, aos 27min do 2°T.
Brasil: Aldo, Carlos Alberto Torres, Baldocchi, Fontana e Marco Antônio; Wilson Piazza (Zé Carlos), Gérson e Dirceu Lopes; Jairzinho, Pelé e Edu. Técnico: João Saldanha.
Argentina: Agustín Cejas; Rubén Diaz, Roberto Perfumo, Roberto Rogel e Oscar Malbernat; José Omar Pastoriza, Miguel Angel Brindisi e Norberto Madurga; Marcos Conigliaro, Rodolfo Fischer e Oscar Más. Técnico: Juan José Pizzuti.

Jogo 3
Brasil 3x2 Paraguai
Data: 26 de abril de 1972
Amistoso
Público: cerca de 70 mil (portões abertos)
Árbitro: Armando Marques (Brasil)
Gols: Carlos Alberto Torres, aos 7min do 1°T, Tostão, aos 20min do 1°T, Escobar, aos 20min do 1°T, Dirceu Lopes, aos 10min do 2°T, e Diarte, aos 15min do 2°T.
Brasil: Félix; Carlos Alberto Torres (Marco Antônio), Marinho Peres, Vantuir e Everaldo; Clodoaldo, Rivelino e Paulo César Lima; Jairzinho, Roberto Miranda e Tostão (Dirceu Lopes). Técnico: Zagallo.
Paraguai: Alcides Baez; Molinas, Aquino, Riveros e Mendoza; Godoy (Verza), Seguier e Escobar; Diarte, Arrua e Jimenez. Técnico: Aurélio Gonzalez.

Jogo 4
Brasil 3x3 Seleção Gaúcha
Data: 17 de junho de 1972
Amistoso
Público: 106.554 pessoas
Árbitro: Robert Heliés (França)
Gols: Carbone, aos 2min do 1°T e aos 10min do 2°T, Jairzinho, aos 8min do 2°T, Claudiomiro, aos 38min do 2°T, e Rivelino, aos 40min do 2°T.
Brasil: Leão (Sérgio); Zé Maria, Brito, Vantuir e Marco Antônio; Clodoaldo, Wilson Piazza e Rivelino; Jairzinho, Leivinha e Paulo César Lima. Técnico: Zagalo.
Seleção Gaúcha
Schneider; Espinoza, Ancheta, Figueroa e Everaldo; Carbone, Tovar, e Torino; Valdomiro, Claudiomiro e Oberti (Mazinho). Técnico: Aparício Vianna e Silva.

Jogo 5
Brasil 2x2 Seleção Gaúcha
Data: 25 de maio de 1978
Amistoso
Arbitragem: Aírton Vieira de Moraes (Brasil)
Gols: Toninho, a 1min do 1°T, Nélio, aos 10min do 1°T, Lúcio, aos 30min do 1°T e Éder, aos 42min do 2°T.
Brasil: Leão (Carlos); Nelinho, Abel, Polozzi e Rodrigues Neto; Chicão, Batista e Toninho Cerezo (Dirceu); Toninho (Zé Sergio), Reinaldo (Roberto Dinamite) e Jorge Mendonça. Técnico: Cláudio Coutinho.
Seleção Gaúcha: Corbo; Lúcio, Salomon, Oberdan e Jorge Tabajara (Ladinho); Caçapava (Jair), Falcão e Tadeu Ricci; Tarciso, André e Éder. Técnico:

Jogo 6
Brasil 3x1 Chile
Data: 8 de junho de 1985
Amistoso
Público: 35.351 pagantes
Árbitro: Ricardo Calabria (Argentina)
Gols: Zico, aos 35min do 1°T e aos 4min do 2°T, Leandro, aos 45min do 1°T, e Alfredo Nuñez, aos 31min do 2°T.
Brasil: Carlos (Paulo Vítor), Leandro (Édson Boaro), Oscar, Edinho e Júnior; Toninho Cerezo, Sócrates (Alemão) e Zico (Bebeto); Renato Gaúcho, Careca e Éder (Tato). Técnico: Telê Santana.
Chile: Rojas; Garrido, Valenzuela, Gómez e Hormazabal (Serrano); Neira (Dubó), Lepe e Aravena; Letelier (Nuñez), Hurtado e Puebla. Técnico: Pedro Morales.

Jogo 7
Brasil 3x1 Alemanha
Data: 16 de dezembro de 1992
Amistoso
Público: 40 mil pagantes
Árbitro: Juan Escobar (Paraguai)
Gols: Luiz Henrique, aos 38min do 1°T, Bebeto, aos 42min do 1°T, Sammer, aos 39min do 2°T, e Jorginho, aos 45min do 2°T.
Brasil: Taffarel; Jorginho, Paulão, Célio Silva e Branco; Mauro Silva, Luiz Henrique (Júnior), Silas (Luisinho) e Zinho; Bebeto (Renato Gaúcho) e Careca (Romário). Técnico: Carlos Alberto Parreira.
Alemanha: Illgner; Buchwald, Worns e Kohler; Wolters (Zorc), Hassler (Sammer), Wagner (Reinhardt), Effenberg e Matthaus; Klinsmann e Thon (Doll). Técnico: Berti Vogts.

Jogo 8
Brasil 4x2 Argentina
Data: 7 de setembro de 1999
Amistoso
Público: 69.345 pagantes
Árbitro: Oscar Ruiz (Colômbia)
Gols: Rivado, aos 40min, aos 42min do 1°T e aos 25min do 2°T, Ayala, aos 45min do 1°T, Ronaldinho, aos 37min do 2°T, e Ortega, aos 43min do 2°T.
Brasil: Dida; Cafu, Antônio Carlos, Scheidt e Roberto Carlos; Emerson, Vampeta (Marcos Assunção), Rivaldo e Zé Roberto (Juninho); Ronaldinho Gaúcho (Élber) e Ronaldinho. Técnico: Wanderley Luxemburgo.
Argentina: Bonano, Vivas (Husain), Ayala, Samuel e Sorin; Redondo (Simeone), Zanetti, Verón (Schelotto) e Ortega; Gonzalez (Gallardo) e Crespo (Lopez). Técnico: Marcelo Bielsa.


Outras notícias
Loja Virtual