17/07/2008

Inter vence o Atlético-MG no Beira-Rio


Festa colorada no Gigante: Inter venceu o Atlético-MG e manteve a invencibilidade atuando em casa no Brasileirão


>> Veja  a galeria de fotos da partida!


O Internacional venceu o Atlético-MG por 1 a 0 na noite desta quinta-feira, no Beira-Rio, em jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nilmar marcou o gol aos 6min do primeiro tempo. Foi a quinta vitória do time colorado em seis jogos disputados no Gigante pela competição. Com o resultado, o Inter subiu para a oitava posição (18 pontos) e está a três pontos da zona de classificação à Libertadores.

A noite estava perfeita para o futebol. Temperatura ao redor dos 18 graus em um clima de verão em pleno inverno. Mais de 27 mil colorados compareceram ao Gigante na partida que complementou a 12ª rodada do Brasileirão.

Para alcançar a quinta vitória atuando em casa no campeonato, o técnico Tite contou com o retorno do volante Guiñazu, que estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo na última partida. O time foi praticamente o mesmo que empatou comm o Atlético-PR: Renan; Ricardo Lopes, Índio, Danny Morais e Marcão; Edinho, Magrão, Guiñazu e Alex; Taison e Nilmar.

O Atlético-MG treinado por Alexandre Gallo não pôde contar com Danilinho, negociado com o futebol mexicano, e Petkovic, lesionado. O time mineiro foi com a seguinte escalação a campo: Edson; Marcos, Leandro Almeira e Vinícius; Serginho, Márcio Araújo, Renan, Elton e César Prates; Eduardo e Renan Oliveira.

O Inter defendia um tabu: há 22 anos não perde para o time mineiro no Beira-Rio. A última derrota foi em 1986.

O jogo

O time colorado começou buscando o gol. Aos 30 segundos, Alex deu grande passe para Ricardo Lopes na direita. O lateral avançou até o lado da área e cruzou, mas a bola passou pela área. A 1min, depois de uma boa troca de passes na entrada da área, Alex girou e chutou de pé direito rasteiro ao lado do gol com perigo.

O Inter pressionava com velocidade e troca de passes rápidos em busca do primeiro gol.

Aos 6min, Marcão fez boa jogada pela esquerda e cruzou na medida para Nilmar cabecear com precisão e fazer o primeiro gol colorado!!!! Foi o quarto gol de Nilmar no Brasileirão. Ele é o goleador da equipe ao lado de Alex.

Nilmar era um dos destaques avançando pelo lado direito sobre a marcação de Vinícius, ex-jogador do Inter.

Depois do gol, o Atlético-MG tentou avançar e trocar passes em busca do empate. A ordem era erguer bolas para a área, mas a defesa colorada estava bem postada. O Inter se posicionou fechando os espaços e tentando explorar os contra-ataques.

Aos 14min, quase o segundo gol colorado!!! Alex tocou para Nilmar, que de primeira, deixou Magrão na cara do gol. O volante chutou e o goleiro Edson fez defesa espantosa para escanteio. No minuto seguinte, Alex cobrou escanteio no travessão. No rebote, Nilmar cabeceou e a zaga tirou sobre a linha.

Aos 17min, um susto!! Depois de cruzamento da esquerda, Renan Oliveira chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e acertou o poste de Renan. Aos 20min, César Prates foi à linha de fundo e cruzou para a pequena área, mas Índio salvou para escanteio de cabeça.

O Atlético-MG marcava forte no meio, roubava bolas e buscava surpreender o Inter. Mas aí apareceu um dos segredos do sucesso defensivo colorado nos últimos jogos: a rápida recomposição do posicionamento. Quando perdia a bola, a linha de quatro zagueiros e mais os três volantes agiam rápido para formar o bloqueio na frente da área.

Aos 25min, Elton avançou pela meia-direita e chutou rasteiro ao lado do gol, sem perigo. Espaços para o contra-ataque o Inter encontrava, mas faltava o acerto no último passe. Aos 28min, Taison deu grande passe para Alex, que entrava livre na área. O juiz deu impedimento inexistente e ainda aplicou o cartão amarelo em Alex. Foi o terceiro cartão do meia-atacante, qur não poderá atuar na próxima rodada contra o Náutico.

Aos 29min, saiu o volante Elton e entrou o atacante Marques no Atlético-MG. Aos 32min, Marques pegou rebote na entrada da área e chutou cruzado para fora, ao lado do gol. Um minuto depois,  Nilmar recebeu na área, driblou o zagueiro com um giro e chutou para boa defesa do goleiro Edson. Aos 35min, César Prates arriscou de fora da área por cima do gol. Aos 36min, Taison deu grande passe para Alex que entrou na área, driblando o goleiro, mas a bola tocou na zaga e quase entrou. Aos 37min, Alex cobrou escanteio e Índio cabeceou por cima do gol.

O Atlético-MG buscava pressionar, enquanto o juiz Rodrigo Braghetto marcava muitas faltas nas proximidades da área do Inter. A zaga do Inter, porém, estava bem posicionada e conseguia afastar.

Aos 43min, Magrão recebeu na área, pela esquerda, e cruzou para Edson salvar com boa saída de gol. No minuto seguinte, Ricardo Lopes cruzou da direita, Magrão tentou de peixinho, mas a bola sobrou pra Nilmar que concluiu, a bola tocou na zaga e saiu pra escanteio. Aos 45min, Taison faz boa jogada pela direita, entrou na área e cruzou rasteiro para nova defesa de Edson na pequena área.

A vitória colorada no primeiro tempo foi merecida. Além de marcar o gol, criou outras chances para ampliar. Destaque para Taison e Nilmar, que criavam chances com velocidade sobre a zaga adversária. O time mineiro, porém, se mostrou perigoso e pressionou em alguns momentos da primeira etapa.

No intervalo, o técnico do Atlético-MG, Alexandre Gallo, fez uma substituição no intervalo. Saiu Leandro Almeida e entrou Gedeon.

O Atlético-MG voltou apresentando armas. No primeiro minuto, duas entradas duras sobre Marcão e Magrão. Aos 6min, Ricardo Lopes fez boa jogada pela direita, avançando em velocidade até ser derrubado ao lado da área. Aos 7min, Nilmar pressionou na saída de bola, roubou a bola do goleiro Edson chutou no corpo da zaga. A torcida aplaudiu a raça do atacante colorado. Aos 9min, Alex cobrou falta, a bola desviou na barreira e o goleiro Edson defendeu.

Aos 10min, Taison fez boa jogada, arrancando pelo meio, passando por toda a linha de zagueiros, entrando na área e cruzando para defesa de Edson. Um minuto depois, Alex cobrou escanteio e Marcão cabeceou por cima.

O Inter tentava pressionar a saída de bola do Atlético, que tinha dificuldades em sair jogando.

Aos 14min, em contra-ataque, Alex passou pela marcação, entrou na área e cruzou rasteiro para Nilmar, mas a zaga se antecipou e conseguiu cortar. Aos 15min, Renan Garcia arriscou de fora da área ao lado do gol com perigo. Na seqüência do lance, Guiñazu avançou pelo meio e deu bom passe para Magrão, que recebeu na área e concluiu por cima.
 
O jogo era disputado em alta velocidade. O Inter chegava forte, mas o Atlético-MG também ameaçava. Aos 16min, o lateral Ricardo Lopes recebeu o cartão amarelo e também não poderá enfrentar o Náutico no próximo domingo.

Aos 19min, Marques tabelou e recebeu no bico da área. O atacante chutou colocado e quase marcou um golaço. Aos 24min, César Prates cobrou falta para a área e Gedeon cabeceou por cima, com perigo. Um minuto depois, Alex cobrou falta e Nilmar cabeceou ao lado do gol. A bola ainda desviou na zaga e foi pra escanteio, mas o juiz equivocadamente marca tiro de meta apenas.

Aos 26min, Ricardo Lopes atravessou o gramado em arrancada sensacional, mas na hora do cruzamento, a bola tocou na zaga e foi parar nas mãos do goleiro.

Aos 29min, entrou Rafael Aguiar e saiu Renan Oliveira, no Atlético-MG. Aos 30min, Alex fez boa jogada pelo meio, passando pelo marcador e chutando bem de fora da área para defesa de Edson. Aos 32min, Nilmar fez jogada sensacional, passando por dois em velocidade, entrando na área, mas quando foi concluir, César Prates salvou de carrinho pra escanteio.

Aos 33min, saiu Alex e entrou Walter, no Inter. Aos 34min, contra-ataque em alta velocidade do Inter. Nilmar roubou a bola no meio, tocou para Taison, que avançou até a entrada da área e devolveu para Nilmar. O atacante matou a bola e chutou colocado por cima. Quase um golaço!

Walter entrou bem no Inter e criou jogadas logo nos seus primeiros lances. Aos 40min, Maycon entrou no lugar de Magrão. Aos 44min, Nilmar fez jogada sensacional passando por César Prates, na linha de fundo, e cruzando para defesa do goleiro. Aos 45min, Edinho recebeu o cartão amarelo por reclamação. É o terceiro desfalque para o jogo no Recife, na próxima rodada.

Nos últimos minutos, o Atlético-MG tentou pressionar, mas o Inter soube se defender bem e garantir a difícil vitória por 1 a 0.

Com a vitória, o Internacional subiu para a oitava colocação e se aproximou da zona de classificação para a Copa Libertadores. Agora o time está com 18 pontos, a três pontos do quarto colocado, o Palmeiras, que hoje seria o primeiro classificado para a principal competição continental.

Além dos três pontos, o Internacional completou o quinto jogo invicto no Brasileirão. Foram três vitórias e dois empates. Desde que o técnico Tite assumiu o comando técnico da equipe, foram quatro vitórias, dois empates e uma derrota. O aproveitamento do treinador é de 66,67%. Este aproveitamento só é inferior ao do líder Flamengo.

"A marcação foi forte, mas conseguimos fazer o gol no começo do jogo, o que abriu o jogo", disse Nilmar, um dos grandes destaques colorados na partida.

"Foi um jogo difícil e duro, mas o Nilmar mostrou o craque que é e decidiu o jogo pra nós", elogiou Edinho.

"O time foi determinado e está de parabéns", afirmou Índio.

"O bom aproveitamento do Inter é do grupo todo. Estamos em um processo de reformulação ainda. Por merecimento, a equipe está consolidando a sua campanha. A nossa próxima meta é aproximar com o grupo dos cinco melhores, o G5", disse o técnico Tite.

Internacional (1): Renan; Ricardo Lopes, Índio, Danny Morais e Marcão; Edinho, Magrão (Maycon), Guiñazu e Alex (Walter); Taison e Nilmar. Técnico: Tite.

Atlético-MG (0): Edson; Marcos, Leandro Almeida (Gedeon) e Vinícius; César Prates, Márcio Araújo, Renan, Elton (Marques) e Serginho; Eduardo e Renan Oliveira (Rafael Aguiar). Técnico: Alexandre Gallo.

Gol: Nilmar (I), aos 6min do primeiro tempo.

Cartões amarelos: Marcão, Alex, Ricardo Lopes, Edinho (I), Leandro Almeida, Marques (A).

Público: 27.496 (24.334 pagantes). Renda: R$ 354.066,00.

Arbitragem: Rodrigo Braghetto, auxiliado por Nilson de Souza Monção e Evandro Luis Silveira (trio paulista).

Local: Beira-Rio, Porto Alegre.


Outras notícias
Loja Virtual