02/12/2006

BRASILEIRÃO: INTER SURPREENDIDO NO BEIRA-RIO

O Internacional foi derrotado por 4 a 1 pelo o Goiás, na tarde deste sábado, no Beira-Rio, em partida válida pela última rodada do Brasileirão. Os gols foram marcados por Welliton, aos 20min25seg, e por Luciano Almeida, aos 40min50seg do primeiro tempo,  Romerito, aos 9min55seg do segundo tempo, e Cléber Gaúcho, aos 14min35seg do segundo tempo. Fabiano Eller descontou aos 20min10seg.


Fernandão divide com a marcação no ar: Goiás deu trabalho ao Inter

Antes da partida, a torcida do Inter homenageou o presidente Fernando Carvalho aplaudindo e gritando o nome do dirigente. Cerca de 400 crianças do Projeto Criança Colorada e integrantes da direção também prestaram homenagem no centro do gramado. Foi o último jogo no Beira-Rio de Carvalho como presidente.

O forte calor da tarde em Porto Alegre parece que tomou conta do jogo. Foi um primeiro tempo quente. Principalmente depois de duas entradas violentas de jogadores do Goiás em jogadores do Inter. Na primeira, Romerito deu carrinho criminoso no tornozelo de Índio, que precisou ser substituído por Ediglê. Menos mal que foi uma torção leve e não preocupa para o Mundial. Na segunda, Leonardo deu entrada dura em Iarley e foi expulso direto.

Antes da violência, porém, o Inter começou melhor. Aos 5min15seg, Alex roubou a bola na intermediária e avançou até a entrada da área chutando por cima. Aos 15min15seg, Iarley pegou a bola na linha de fundo, passou por dois, entrou na área e chutou no corpo do zagueiro. Aos 19min, Hidalgo tabelou com Alex e cruzou para Fernandão, mas a zaga saolvou de cabeça.


Recuperado de lesão, Alex iniciou a partida

Na primeira vez que chegou ao ataque, o Goiás marcou o gol. Aos 20min25seg, Welliton foi lançado em profundidade, driblou Clemer e chutou para fazer 1 a 0.  O Inter tentou responder um minuto depois com Fernandão que chutou de fora da área e cabeceou ao lado do gol.

Aos 25min35seg, Alex cobrou falta e Hidalgo cabeceou ao lado do gol. Aos 27min55seg, Fabiano Eller cruzou para Fernandão, que matou no peito e cruzou com categoria, mas Amaral salvou na pequena área para escanteio. Aos 29min45seg, Fábio Bahia chutou de fora da área e Clemer fez grande defesa.

Aos 31min5seg, saiu Índio, lesionado, e entrou Ediglê. Aos 36min20seg, Edinho chutou de fora da área por cima. Aos 38min25seg, Leonardo deu carrinho violento em Iarley e foi expulso. Aos 40min50seg, Luciano Almeida cobrou falta no canto, Clemer não conseguiu defender e a bola entrou: 2 a 0. Aos 44min23seg, Alex cobrou falta por cima.


Iarley criou boas oportunidades de gol

No intervalo, saiu Alex e entrou Rentería em busca da virada. Mas o segundo tempo foi do Goiás novamente.

Aos 5min30seg, Iarley cruzou e Fernandão chutou de primeira ao lado do gol. Aos 7min50seg, Welliton escapou novamente e foi derrubado por Ediglê na área: pênalti. No lance, Ediglê foi expulso também. Na cobrança, aos 9min55seg, Romerito marcou o terceiro gol.

Aos 11min15seg, saiu Luiz Adriano e entrou Vargas. Aos 13min30seg, Welliton entrou na área e concluiu pra grande defesa de Clemer. Aos 14min35seg, Cléber Gaúcho cobrou falta e a acertou o ângulo: 4 a 0. Não era a tarde do Inter definitivamente.

Aos 17min40seg, Ceará cobrou falta, Fernandão tocou de cabeça para Fabiano Eller, em posição legal, marcar o gol. O juiz, porém, anulo o lance equivocadamente por impedimento. Aos 20min10seg, Rentería cruzou da direita e Fabiano Eller cabeceou no canto, descontando para o Inter: 4 a 1.


Fernandão parte para cima da marcação do Goiás

Aos 26min45seg, Iarley fez jogada sensacional, driblando quatro jogadores e chutando para defesa sensacional de Harley. Aos 31min saiu Cléber Gaúcho e entrou Galeano.

Aos 35min, Welliton bateu cruzado e Fábio Bahia marcou o gol, mas o juiz anulou por impedimento. Aos 40min20seg, Rentería fez mais um gol, mas o juiz novamente anulou, de maneira equivocada, marcou impedimento de novo.


Torcida colorada está no clima do Mundial no Japão

Depois do jogo, o capitão Fernandão chamou o time para agradecer aos torcedores pelo apoio, mesmo com o resultado ruim. 


Jogadores agradeceram o apoio da torcida ao final do jogo

?Que isso sirva de motivação e de sinal de alerta para o Japão?, afirmou Ceará.

?Queremos agradecer por toda a colaboração que os torcedores deram durante o ano. A gente só teve força para chegar do jeito que a gente chegou graças à torcida?, disse o capitão Fernandão, depois do jogo. 

?Temos duas partidas para o Mundial e queremos fechar o ano com chave de ouro?, afirmou Fabiano Eller.

Internacional (1): Clemer; Ceará, Índio (Ediglê), Eller e Hidalgo; Edinho, Wellington Monteiro, Fernandão e Alex (Vargas); Luiz Adriano (Rentería) e Iarley. Técnico: Abel Braga.

Goiás (4): Harlei; Hernando, Fabiano e Leonardo; Vitor, Cléber Gaúcho (Galeano), Fábio Bahia, Romerito e Luciano Almeida; Wellinton e Amaral. Técnico: Geninho.

Gols: Welliton (G), aos 20min25seg do primeiro tempo, e por Luciano Almeida (G), aos 40min50seg do primeiro tempo, Romerito (G), aos 9min55seg do segundo tempo, e Cléber Gaúcho (G), aos 14min35seg do segundo tempo, Fabiano Eller (I), aos 20min10seg do segundo tempo. Cartões amarelos: Amaral, Romerito, Cléber Gaúcho (G), Edinho, Vargas (I). Expulsão: Leonardo (G), Ediglê. Renda: R$ 286.017,00. Público: 35.293. Arbitragem: Luís Cansian, auxiliado por Nilson Monção e Emerson Carvalho (trio paulista). Local: Beira-Rio.

Fotos: Daniel Boucinha


Outras notícias
Loja Virtual