30/09/2006

BRASILEIRÃO: INTER VENCE O PARANÁ POR 3 A 2

O Internacional venceu o Paraná por 3 a 2 na tarde deste sábado no Beira-Rio em partida atrasada válida pela 17ª rodada do Brasileirão, que foi adiada devido às finais da Copa Libertadores da América. Os gols do Inter foram marcados no primeiro tempo por Índio e Fabiano Eller (2). O Paraná descontou com Cristiano e com Sandro, no segundo tempo. Com a vitória, o Inter avançou para a terceira colocação do Brasileirão com 44 pontos a seis pontos do líder, o São Paulo.


Eller (C), duas vezes, e Índio (D) marcaram para o Inter (Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

O Inter entrou em campo com uma boa notícia. O capitão Fernandão, que teve lesão no tornozelo durante a semana, passou no teste antes do jogo e foi confirmado para entrar em campo. O restante da equipe foi o mesmo que atuou diante do Corinthians na última rodada.


Fernandão foi liberado pelo departamento médico para atuar

O primeiro tempo foi um show colorado em campo. Aplicou 3 a 0 e criou outras inúmeras situações de gol. Com um toque de bola envolvente, muita movimentação e velocidade no ataque e uma marcação forte, o time colorado envolveu completamente o Paraná nos primeiros 45 minutos.


Jogadores comemoram: Inter foi arrasador na etapa inicial

O Inter partiu pra cima cedo. Aos 2min5seg, Iarley cruzou da esquerda, Fernandão ajeitou com o peito para Edinho chutar forte de fora da área ao lado do gol em uma bonita jogada. Aos 3min10seg, Ceará arrancou pela direita e cruzou, Iarley matou no peito e arrematou de voleio por cima.


Iarley quase marcou no começo do jogo

Aos 3min45seg, Hidalgo deu grande passe para Fernandão entrar na área e chutar para Flávio salvar em grande saída do gol. Aos 5min35seg, Neguete tentou cortar um cruzamento da direita, atrapalhou-se e caiu sobre a bola. Hidalgo tentou pegar o rebote, mas acabou chutando prensado com o zagueiro caído.


Índio chuta para abrir o placar: zagueiro marcou seu quarto gol no Brasileirão

Aos 9min5seg, o Inter abriu o placar em um lindo gol. Índio arrancou do campo do Inter até a intermediária, tocou para Fernandão que devolveu para o zagueiro. Índio entrou na área, puxou a bola com o calcanhar, dividiu com o goleiro, ganhou a jogada e chutou para o gol vazio: Inter 1 a 0. Foi o quarto gol de Índio no Brasileirão.

O Paraná tentou reagir aos 13min45seg quando Edinho cruzou, e a bola foi em direção ao gol. Clemer tocou a bola para escanteio. Aos 15min15seg, Peter chutou de fora da área cruzado para fora. Aos 17min, Neguete cobrou falta ao lado do gol.

O Inter se posicionou bem na defesa e saiu rápido nos contra-ataques. Como aos 21min5seg, quando Perdigão deu grande lançamento para Fernandão, que matou no peito, entrou na área e chutou colocado para grande defesa de Flávio. Na cobrança, Hidalgo ergueu a bola para a área, Flávio saiu mal do gol e Fabiano Eller (foto ao lado de Jefferson Bernardes/VIPCOMM) cabeceou para fazer 2 a 0.

Aos 24min30seg, Sandro fez boa jogada, entrou na área e tocou para Leonardo chutar e Clemer fazer grande defesa para escanteio. Aos 29min35seg, Iarley chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e saiu ao lado do gol. Aos 30min50seg, Fernandão tocou para Adriano que deu bom passe para Iarley na área concluir forte e Flávio fazer grande defesa. Aos 31min20seg, o Paraná tentou mudar o jogo substituindo Neguete por Pierre. Não adiantou. Aos 31min35seg, Hidalgo cruzou com perfeição da esquerda e Fabiano Eller cabeceou no canto: 3 a 0. Foi o terceiro gol de Fabiano Eller no Brasileirão.

Com a desvantagem, o Paraná se atirou ainda mais ao ataque. Aos 38min15seg, Sandro arriscou de fora da área por cima. Aos 46min10seg, Edinho, do Paraná, entrou na área e chutou para grande defesa de Clemer. No rebote, Pierre concluiu para fora.

No intervalo do jogo, uma modificação em cada equipe. No Inter, saiu Iarley e entrou Rentería. No Paraná, Edinho deixou o campo para a entrada de Joélson.


Colombiano Rentería entrou no segundo tempo

Na etapa final, o Inter voltou bem posicionado atrás, buscando os espaços dos contra-ataques, enquanto os paranaenses tentavam diminuir a desvantagem. Aos 2min10seg, Joélson tentou chute cruzado e a bola foi para fora.Aos 3min, saiu Clemer com dores na perna e entrou Renan. Aos 7min, Hidalgo cobrou falta, a bola desviou na barreira e passou ao lado do gol.


Peruano Hidalgo (D) teve participação em dois gols

Aos 13min15seg, Hidalgo cobrou escanteio, a bola cruzou a pequena área e Flávio salvou com boa defesa. Aos 14min50seg, Pierre entrou na área e chutou cruzado ao lado do gol. Aos 18min45seg, Peter tentou de fora da área com perigo. Aos 20min15seg, Peter cruzou e Cristiano concluiu no cantinho para grande defesa de Renan. Aos 22min, saiu Adriano e entrou Caio no Inter. O Paraná trocou dois minutos depois com a entrada de Maicossuel e a saída de Leonardo.


Edinho teve mais uma boa atuação

Aos 31min30seg, Batista cruzou da esquerda e Cristiano, em impedimento, cabeceou no canto. Apesar do lance irregular, o juiz confirmou o gol paranaense. Aos 43min10seg, Cristiano recebeu na área, tentou driblar Renan, mas o goleiro colorado salvou em grande saída do gol. Aos 44min, Sandro recebeu na área e quando todos pensavam que ele iria cruzar, acabou chutando direto e enganou Renan: 3 a 2. Depois disso, o Inter segurou bem a bola e garantiu a vitória.

Agora, o Inter tem 44 pontos, sobe para a terceira colocação e fica a seis pontos do líder, São Paulo, faltando 12 rodadas para o final da competição.

"Tomamos gols no final, mas o mais importante é que conseguimos a vitória", afirmou Fabiano Eller na saída do campo.

"A equipe correu bastante no primeiro tempo. Sabíamos que o segundo tempo não seria fácil, mas conseguimos os três pontos", disse  Perdigão.

"Poderíamos ter feito três, quatro ou cinco gols, mas o resultado acabou sendo bom para a competição. Foi um grande primeiro tempo. No segundo tempo demos uma relaxadinha e o jogo ficou duro porque o Paraná não desiste nunca. Estamos no páreo. Agora vamos ver se a gente consegue manter uma regularidade", analisou o presidente Fernando Carvalho.

"O jogo não teve facilidade em momento algum, mas conseguimos um bom resultado e terminamos vitoriosos?, afirmou o volante Wellington Monteiro, um dos destaques da partida.

"Foi uma atuação muito boa no primeiro tempo, mas no segundo tempo foi sofrido. Gostaríamos de ter mantido o brilhantismo do primeiro tempo, mas não deu. O mais importante hoje era a vitória", disse o técnico Abel Braga.

Internacional (3): Clemer (Renan); Ceará, Índio, Fabiano Eller e Hidalgo; Wellington Monteiro, Edinho, Perdigão e Adriano (Caio); Fernandão e Iarley (Rentería). Técnico: Abel Braga.

Paraná (2): Flávio; Gustavo, Neguete (Pierre) e Emerson; Peter, Batista, Beto, Sandro e Edinho (Joélson); Cristiano e Leonardo (Maicossuel). Técnico: Caio Júnior.

Gols: Índio (I), aos 9min5seg do primeiro tempo, e Fabiano Eller (2), aos 21min45seg e aos 31min35seg do primeiro tempo, Cristiano (P), aos 31min30seg do segundo tempo, Sandro (P), aos 44min do segundo tempo. Cartões amarelos: Edinho, Perdigão (I), Neguete, Emerson e Beto (P). Público: 24.378 (20.370 pagantes). Renda: R$ 173.032,00. Arbitragem: Alicio Pena Júnior (Fifa MG), auxiliado por Guilherme Dias Camilo (MG) e Márcio Eustáquio Santiago (MG). Local: Estádio Beira-Rio.

Fotos: Daniel Boucinha


Outras notícias
Loja Virtual