07/05/2006

VITÓRIA COLORADA NA ARENA DA BAIXADA: 2 A 1


Rentería marcou seu nono gol na temporada: Inter segue invicto no Brasileirão

O Internacional derrotou o Atlético-PR por 2 a 1, na Arena da Baixada, em Curitiba, em jogo válido pela quarta rodada do Brasileirão. Com o resultado, o time colorado manteve a terceira colocação com o mesmo número de pontos (10) que os líderes Fluminense e Santos, que levam vantagem no saldo de gols. Os gols do Inter foram marcados por Rentería e Jorge Wagner. Danilo fez o do Atlético-PR.

De olho no Brasileirão e na Libertadores da América ao mesmo tempo, o técnico Abel Braga escalou um time poupando alguns jogadores. A defesa foi formada por Clemer, Ceará, Bolívar, Fabiano Eller e Jorge Wagner. No meio-campo, Wellington Monteiro e Perdigão ganharam oportunidades ao lado de Edinho e Adriano. Na frente, o colombiano Rentería atuou ao lado de Michel.

Com a presença de um grande número de colorados na Arena da Baixada, o Inter foi superior no primeiro tempo e merecia ir para o intervalo com um resultado melhor do que o 1 a 1. Os primeiros minutos foram os de maior superioridade colorada, nos quais foram criadas quatro chances de gol contra nenhuma dos paranaenses.

A primeira oportunidade foi aos 2min35seg, quando Perdigão deu grande passe para Michel, de frente para o gol, na entrada da área, chutar forte e Cleber fazer grande defesa. Aos 10min, Adriano recebeu na área e girou para nova defesa de Cléber. Um minuto depois, Perdigão cruzou da esquerda, o goleiro soltou e Michel chutou para fazer o gol, mas o juiz anulou por impedimento.

De tanto criar, o time colorado largou na frente aos 19min10seg, Adriano deu grande passe para Rentería entre os zagueiros, o colombiano ganhou em velocidade, entrou na área e chutou com precisão para fazer 1 a 0. Na comemoração, correu para os torcedores colorados e dançou o tradicional rukrak. Foi o segundo gol do atacante no Brasileirão e o nono na temporada. Rentería é o goleador do Inter no ano.

O Inter seguiu melhor. Aos 22min25seg, Perdigão deu bom passe para Jorge Wagner chutar de fora da área com perigo, ao lado do gol. Aos 26min40seg, Adriano fez boa jogada pelo meio e passou para Michel concluir por cima. O Atlético-PR só foi ameaçar nos últimos 17 minutos. Aos 28min, depois de cobrança de escanteio, a bola sobrou para Alan Bahia cabecear e Clemer defender.

Aos 30min, Michel entrou na área pela direita e cruzou na medida para Rentería, livre, no segundo pau, chutar por cima, desperdiçando ótima oportunidade. Em seguida, Sobis entrou no lugar de Adriano, que saiu lesionado. Aos 35min40seg, Ivan arriscou da entrada da área e Clemer salvou espalmando.

Aos 37min55seg, Dagoberto chutou na entrada da área, a bola desviou na zaga e foi para escanteio. Na cobrança, aos 38min20seg, a bola passou por toda a linha de defensores do time e Danilo chutou com precisão no canto: 1 a 1.

O Inter não se abalou e quase marcou de novo aos 42min10seg, quando Sobis chutou forte de fora da área, Cléber espalmou, a bola subiu e Paulo André salvou de cabeça para escanteio. Aos 43min40seg, depois de cruzamento de Jancarlo, a bola foi chutada por Ivan na área e a bola bateu na zaga. Foi o último lance da primeira etapa.

O segundo tempo foi mais equilibrado com chances de gol para as duas equipes. O Atlético-PR começou melhor e tentou pressionar cedo. Aos 45seg, Jancarlos cruzou e Dagoberto cabeceou por cima. Aos 2min35seg, Ferreira fez boa jogada pela esquerda e cruzou para defesa de Clemer. O Inter respondeu aos 9min com uma tabela entre Rentería e Sobis. O colombiano entrou na área e cruzou para saída segura de Cléber.

Um minuto depois, o técnico Givanildo retirou Evandro e colocou Fabrício. Aos 12min10seg, Dagoberto arrematou forte de fora da área ao lado do gol. Aos 13min10seg, Rentería rolou para Edinho chutar forte de fora da área no canto e Cléber fez grande defesa. Edinho, por sinal, teve atuação destacada na proteção à defesa.

Aos 21min, o técnico Abel Braga retirou Rentería e promoveu a entrada de Iarley. Em seguida, aos 21min15seg, Michel fez boa jogada na área, e a bola sobrou para Sobis chutar no corpo de um zagueiro, que se atirou sobre a bola. Aos 22min, Sobis concluiu de fora da área, a bola bateu na zaga e saiu ao lado do gol. Aos 27min30seg, Dagoberto cobrou falta e quase Danilo alcançou livre na área. Aos 28min, entrou Herrera e saiu Pedro Oldoni na equipe paranaense.

Aos 32min30seg, Sobis deu grande passe para Iarley que ganhou da zaga em velocidade e quando entrava na área foi derrubado por trás por Paulo André. O juiz marcou pênalti e expulsou Paulo André. Na cobrança, aos 35min, Jorge Wagner chutou no cantinho e fez o 2 a 1. Foi o primeiro gol dele no Brasileiro e o quinto na temporada.

Aos 36min, o juiz marcou falta de Perdigão e aplicou o segundo cartão amarelo e a expulsão ao jogador colorado, deixando o Inter com 10 jogadores também. Aos 38min30seg, entrou Ediglê e saiu Sobis para reforçar a defesa e garantir a vitória.

Nos últimos minutos, a equipe paranaense tentou pressionar, mas sem resultado. Aos 41min, cruzamento para a área e Herrera cabeceou por cima. Aos 47min15seg, Dagoberto entrou na área e concluiu forte para fora. Aos 49min30seg, Fabrício cobrou escanteio e Alan Bahia chutou de primeira por cima. Foi a última chance da partida. Depois disso, festa colorada em Curitiba.

?Foi um jogo difícil, mas a rapaziada foi muito guerreira e está de parabéns?, afirmou Edinho, na saída do campo.

?Jogar contra o Atlético-PR aqui é muito difícil porque a torcida empurra eles para o ataque. A minha equipe foi realista e diminuiu os espaços. A vitória foi justa e dá moral ao nosso time?, avaliou o técnico Abel Braga.

?Foi uma grande partida. Jogamos muito bem com os três volantes. O time marcou bem e criou oportunidades. O grupo mostrou a sua força porque jogaram alguns jogadores que não vinham atuando e foram muito bem?, elogiou o presidente Fernando Carvalho.

Atlético-PR (1): Cléber; Danilo, Paulo André e Alex; Jancarlos, Alan Bahia, Ferreira, Evandro (Fabrício) e Ivan; Dagoberto e Pedro Oldoni (Herrera). Técnico: Givanildo.

Internacional (2): Clemer; Ceará, Bolívar, Fabiano Eller e Jorge Wagner; Edinho, Wellington Monteiro, Perdigão e Adriano (Sobis, Ediglê); Michel e Rentería (Iarley). Técnico: Abel Braga.

Gols: Rentería (I), aos 19min10seg do primeiro tempo, Danilo (A), aos 38min20seg do primeiro tempo, Jorge Wagner (I), aos 35min do segundo tempo. Cartões amarelos: Perdigão, Jorge Wagner (I), Alan Bahia (A). Expulsões: Perdigão (I), Paulo André (A). Renda: R$ 311.370,00. Público: 17.990. Arbitragem: Luiz Marcelo Vicentin Cansian, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Maria Eliza Barbosa (trio de SP). Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Foto/capa: Daniel Boucinha


Outras notícias
Loja Virtual