08/08/2004

INTER PERDE PARA A PONTE PRETA

Time colorado foi derrotado por 2 a 1, no Beira-Rio

   A um minuto de partida, Nilmar foi derrubado ao lado da área. Chiquinho cobrou a falta, mas Lauro defendeu com um soco. Aos sete minutos, Weldon entrou livre na área, driblou Clemer e perdeu um gol feito, chutando para fora. Três minutos depois, Chiquinho concluiu rasteiro e quase Nilmar completou.

   Aos 19, a melhor chance do Inter na primeira etapa. Nilmar cruzou e Fernandão, livre, na pequena área, não alcançou a bola por centímetros. Aos 29, Fernandão cabeceou e a zaga salvou sobre a linha. Aos 40, Sobis chutou, de fora da área, e a bola passou bem perto. No último lance da primeira etapa, Júlio César recebeu passe e chutou para grande defesa de Clemer. 

   Fernandão concluiu rasteiro e forte para defesa espetacular do goleiro Lauro logo no primeiro minuto da etapa final. O time de Campinas largou na frente aos dois minutos, quando Lindomar, em um contra-ataque, encobriu Clemer e marcou um golaço. A resposta colorada surgiu com uma cabeçada de Fernandão no poste, aos quatro minutos. 

    Aos 11, o técnico Joel Santana buscou o empate, mudando o esquema, retirando o líbero Sangaletti e colocando o meia Élder Granja. Em seguida, André Cunha entrou na área e chutou forte para fazer o 2 a 0 para a Ponte Preta. O Inter ainda descontou com Élder Granja, aos 28 minutos, depois de cruzamento de Fernandão. Nos últimos minutos, o time pressionou, mas não conseguiu empatar. Aos 46, no último lance, a bola tocou no braço do zagueiro da Ponte Preta, mas o juiz Wagner Tardelli não marcou pênalti.

   Com o resultado, o time está na 16ª colocação, com 28 pontos. Na próxima quarta-feira, o adversário é o Paraná, em Curitiba, na última rodada do primeiro turno.

Internacional (1): Clemer; Wilson, Sangaletti (Élder Granja) e Vinícius; Gavilán (Diego), Edinho, Marabá, Fernandão e Chiquinho; Rafael Sobis e Nilmar. Técnico: Joel Santana.

Ponte Preta (2): Lauro; André Cunha, Gustavo, Luís Carlos e Bill; Marcus Vinícius, Flávio, Romeu e Lindomar (Conceição); Weldon (Vander) e Júlio César (Washington). Técnico: Nenê.

Gols: Lindomar (PP), aos dois minutos do segundo tempo, André Cunha (PP), aos 11h30seg do segundo tempo, e Élder Granja (I), aos 28min do segundo tempo. Cartões amarelos: Edinho, Marabá e Rafael Sobis (I), Lauro, Gustavo, Flávio, Romeu, Marcus Vinícius e Júlio César (PP). Renda: R$ 72.176,00. Público: 8.229. Arbitragem: Wagner Tardelli, auxiliado por Aristeu Tavares e Marcos Freire. Local: Estádio Beira-Rio.


Outras notícias
Loja Virtual