20/06/2004

DOIS JOGOS PARA ALCANÇAR A LIDERANCA

Inter termina a rodada em quinto lugar, um ponto atrás do primeiro colocado, e pode ser líder se vencer os dois próximos jogos no Beira-Rio, diante do Vasco e do Criciúma

   O Inter perdeu para o Santos por 3 a 0, domingo (20/06), na Vila Belmiro. A equipe atuou desfalcada de Sangaletti, Edinho, Nilmar e Danilo e não resistiu ao time santista que venceu com gols de Robinho, aos 12 minutos do primeiro tempo, Basílio, aos 36 minutos do segundo tempo, e André Luiz, aos 44 minutos do segundo tempo.

   Sem poder contar com quatro titulares, os zagueiros Sangaletti e Edinho e os atacantes Danilo e Nilmar, o Inter entrou em campo na Vila Belmiro em busca de um feito histórico. Nunca a equipe colorada havia vencido no tradicional estádio do Santos. O técnico Lori Sandri precisou improvisar o lateral Bolívar como zagueiro, colocando Gavilán na ala direita. No ataque, atuaram Dauri e Beto, que estrearam e nunca tinham atuado juntos. Com tantos problemas, o time até que atuou bem na primeira etapa e merecia estar vencendo ao final dos primeiros 45 minutos.

   Com um bom toque de bola, a equipe colorada controlou o Santos quase todo o tempo na primeira etapa. Marabá quase marcou um golaço aos sete minutos, depois de driblar Léo e André Luiz e chutar por cima. O Santos respondeu com uma cabeçada de Robinho, que abriu o placar, depois de cobrança de escanteio, aos 12 minutos. O ala Chiquinho quase tirou a bola de cabeça, mas acabou não alcançando. No minuto seguinte, Alex chutou de longe para boa defesa do goleiro Mauro. Aos 23, Dauri bateu no canto e Mauro defendeu novamente. Aos 28, Alex tabelou com Beto e tentou colocar, mas Mauro evitou o gol.

   No segundo tempo, o Inter tentou o empate, mas acabou cedendo espaços para o contra-ataque do Santos. Lori ainda buscou dar mais poder de conclusão colocando Wellington, Oséas e Cleiton Xavier nos lugares de Marabá, Beto e Wilson, respectivamente, mas não deu certo. Aos 36, Basílio pegou um rebote de um chute de Diego e marcou o segundo gol. Aos 44, André Luiz cabeceou sem chances para Clemer para definir o 3 a 0. Agora, o Inter tem dois jogos no Beira-Rio para alcançar o primeiro lugar diante do Vasco, no próximo domingo, e do Criciúma, no dia 3 de julho.
 
Santos (3): Mauro; Paulo César, Domingos, André Luiz e Léo; Claiton, Elano (Preto), Diego e Ricardinho; Robinho (Luiz Augusto) e Deivid (Basílio). Técnico: Wanderley Luxemburgo.

Internacional (0): Clemer; Bolívar, Wilson (Cleiton Xavier) e Vinícius; Gavilán, Fernando Miguel, Marabá (Wellington), Alex e Chiquinho; Dauri e Beto (Oséas). Técnico: Lori Sandri.

Gols: Robinho (S), aos 12 minutos do primeiro tempo, Basílio (S), aos 36 minutos do segundo tempo, e André Luiz (S), aos 44 minutos do segundo tempo. Cartões amarelos: Diego e Ricardinho (S); Bolívar, Wilson e Wellington (I). Arbitragem: Luís Antônio Silva Santos (RJ), auxiliado por João Luís Ribeiro Magalhães e Vilmar Raul. Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.


Outras notícias
Loja Virtual