14/03/2004

INTER CLASSIFICA-SE EM PRIMEIRO NA CHAVE B

Colorado empatou em 1 a 1 com o Juventude e classificou-se em primeiro lugar na Chave B do Gauchão, com 15 pontos

   O Internacional empatou em 1 a 1 com o Juventude, na tarde deste domingo, no Estádio Beira-Rio. Com o resultado, o Colorado assegurou a liderança da Chave B do Gauchão, com 15 pontos - e provavelmente no próximo sábado (20/03) - volta a enfrentar o Juventude pela semifinal do Grupo 1, em Caxias do Sul.

O JOGO

 Sob forte calor, Inter e Juventude iniciaram a partida em ritmo lento. A primeira chance de gol do Colorado surgiu aos 6min, em um potente chute desferido por Cleiton Xavier de fora da área. A bola passou rente a trave direita do goleiro Márcio. Aos 9min, Oséas desviou de cabeça para fora.

   O Juventude respondeu com Marcelo, aos 11min, em um dos raros lances de perigo da equipe serrana no jogo. Aos 20min, Oséas fez grande jogada pela direita e tocou para Cleiton Xavier, que no interior da grande área, concluiu para fora.

   Aos 27min, O zagueiro Índio cometeu falta violenta sobre Oséas e foi expulso. O Inter cresceu em campo. Buscando o gol através de jogadas aéreas, o Colorado quase abriu o placar com Nilmar, aos 29 e 30 minutos.  

  Inter levava perigo na bola aérea

   Na segunda etapa, o Inter manteve a postura ofensiva, mas a bola insistia em não entrar. O técnico Lori Sandri promoveu as entradas de Diego e Rodrigo Paulista nos lugares de Nilmar - com dores no tronozelo - e de Fernando Miguel, respectivamente. Logo depois, Oséas pediu para sair e foi substituído por Rafael Sobis.

   Aos 31min, após confusão no interior da área, o Colorado marcou com Diego. A torcida ainda comemorava o gol quando Neto empatou para o Juventude. O Inter lançou-se ao ataque em busca da vitória, mas a partida acabou mesmo empatada em 1 a 1.

EDINHO

O zagueiro Edinho sofreu uma forte pancada no maxilar durante o segundo tempo do jogo contra o Juventude. Logo após a partida, o jogador foi submetido a uma tomografia computadorizada no hospital Mãe de Deus. Segundo o médico do clube, Luciano Ramirez, não houve fratura no local atingido, e dependendo da evolução, o atleta poderá treinar normalmente ainda esta semana.

FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL (1): Clemer; Bolívar, Alexandre Lopes, Edinho e Chiquinho; Marabá, Wellington, Fernando Miguel (Rodrigo Paulista), e Cleiton Xavier; Nilmar (Diego) e Oséas (Rafael Sobis). Técnico: Lori Sandri.

JUVENTUDE (1): Márcio; Mineiro, Índio, Neto e Raone; Evandro, Donizete Amorim (Romildo), Camazzola e Marcelo; Michel (Geufer) e Rafael Campos (Tiago). Técnico: Gilson Plein.

GOLS: Diego, aos 31 minutos do segundo tempo (I), e Neto, aos 32 do segundo (J)

CARTÕES AMARELOS: Márcio, Mineiro e Raone (J); Edinho (I)

CARTÃO VERMELHO: Índio (J)

ÁRBITRO: Carlos Simon    LOCAL: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

PÚBLICO TOTAL: 15.965

Pagantes: 13.190

Não Pagantes: 2.775 (Menores: 2.043, Torcidas Organizadas: 498 e Não Pagantes: 234)

RENDA: R$ 122.547,00

 


Outras notícias
Loja Virtual