18/10/2008

Ataque colorado mostra sua força

O artilheiro colorado no Brasileirão, Nilmar, fez o seu 14º gol na competição. O goleador em 2008, Alex, marcou o segundo na partida e o seu 26º na temporada. Assim, a dupla de ataque comprovou sua efetividade nos 2 a 1 contra o Atlético-PR. Mas os artilheiros colorados não se limitaram a isso, apresentaram suas armas com grandes jogadas, velocidade, qualidade e força.


Alex (E) e Nilmar comemoram: dupla de artilheiros foi decisiva mais uma vez

Além de Alex e Nilmar, Andrezinho e D'Alessandro também fizeram boa partida. Marcaram no meio, se movimentaram e criaram muitos lances no ataque. O quarteto ofensivo infernizou a defesa paranaense, provocou cinco cartões amarelos e um vermelho para o time adversário, que tinha dificuldades para parar os jogadores colorados. Poderia ter saído pelo menos outro amarelo por mais uma de tantas faltas em D'Alessandro, porém o árbitro Cleber Abade nada marcou.


D'Alessandro enfrentou a marcação violenta dos paranaenses

Na vitória deste sábado os grandes destaques mais uma vez foram Alex e Nilmar. Os dois recém foram chamados pelo técnico Dunga para a Seleção Brasileira e mostraram novamente o porquê das suas convocações. No gol de Nilmar, o belo passe foi de Alex. Quando Alex mandou a bomba e anotou o gol da vitória, Nilmar havia dado o passe e o sinal verde para Alex invadir a área e estufar a rede. A dupla mostra seu entrosamente e sua qualidade.

Mas, vale ressaltar, o time todo foi bem na partida frente ao Atlético-PR, neste sábado (18/10). No intervalo, o técnico Tite viu a necessidade de fechar mais o meio-campo, solidificar a marcação colorada e mandou a campo o volante Sandro no lugar de Ramon. Diga-se de passagem: Ramon estava cumprindo sua missão no jogo, difícil por a tarefa ser substituir Guiñazu. No entanto, Sandro também foi bem e ajudou na evolução do time. "Cobrei no intervalo que deveríamos ser mais contundentes, não ficar só tocando e tendo posse de bola, dei mais liberdade para os articuladores e assim fomos pra cima em busca do gol", explicou Tite.


Andrezinho também se destacou no meio-campo

A dupla de zaga Danny e Bolívar marcou forte, sempre que possível afastando o perigo que rondava a área colorada. E o capitão Edinho, o guerreiro de sempre, cão de guarda em frente à defesa. Nas laterais Gustavo Nery e Angelo mostraram disposição e garra para segurar o ímpeto adversário. Angelo ainda apareceu na frente, com boas jogadas, infiltrações pelo meio e uma bola na trave após bela cobrança de falta.

"Não fomos perfeitos, levamos um gol deles, então temos que pensar em melhorar sempre. Agora contra o Boca será nosso jogo do ano", avaliou o goleiro Lauro, que fez segura estréia no estádio Beira-Rio. Na vitória, ainda houve tempo para Taison e Daniel Carvalho entrarem na etapa final e manter o ritmo veloz e qualificado do ataque colorado.


Outras notícias
Loja Virtual