11/10/2008

Empate com o Goiás no Serra Dourada

Por Alexandre Corrêa (texto) e
Alexandre Lops (fotos)
Enviados especiais/Goiânia

O Internacional empatou em 1 a 1 com o Goiás na noite deste sábado, no Serra Dourada, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Andrezinho abriu o placar para o time colorado aos 7min do primeiro tempo, mas Fahel empatou aos 36min da mesma etapa. Com o resultado, o time colorado segue na 10ª colocação, a nove pontos do G4, faltando nove rodadas. No próximo sábado (18/10), o Inter enfrenta o Atlético-PR, no Beira-Rio. 


Andrezinho marcou o gol do Inter no empate com o Goiás, no Serra Dourada

A equipe colorada teve uma série de mudanças. Sem poder contar com Alex (na Seleção Brasileira), D´Alessandro, Gustavo Nery (suspensos pelo terceiro cartão amarelo) e Guiñazu (lesionado), o técnico Tite definiu as entradas de Marcão, na lateral, Andrezinho e Ramon, no meio-campo.

Na frente, Daniel Carvalho e Nilmar reeditaram uma dupla que foi sucesso no ataque colorado em 2003. Na ocasião, os dois foram convocados até para a seleção brasileira sub-20 que conquistou o Mundial daquele ano, batendo a Espanha na final. Outra mudança foi a entrada de Lauro no gol na vaga de Clemer. O goleiro fez a sua estréia pelo Inter.

O time colorado foi a campo com Lauro; Ricardo Lopes, Índio, Bolívar e Marcão; Edinho, Magrão, Andrezinho e Ramon; Nilmar e Daniel Carvalho.

O Goiás vem de excelente campanha no returno - a melhor entre os 20 times. O técnico Hélio dos Anjos escalou a seguinte equipe: Harlei; Henrique, Ernando e Rafael Marques; Vítor, Fahel, Fábio Bahia, Paulo Baier, Tiago Feltri e Júlio César; Iarley.

Aproximadamente 800 colorados foram ao Serra Dourada para apoiar o time do técnico Tite. O time colorado enfrentou o Goiás com camisas brancas, calções vermelhos e meias brancas.

No Goiás, a presença de dois jogadores históricos para o Inter. Iarley é o camisa 9 da equipe goiana. No banco de reservas, Adriano Gabiru, autor do gol do Inter na conquista do Mundial Fifa diante do Barcelona.

O jogo

Aos 2min, Ramon fez boa jogada pela esquerda, foi à linha de fundo e cruzou para Andrezinho, de cabeça, tocar para Nilmar. O goleiro Harlei, porém, saiu do gol e evitou a jogada colorada. Aos 3min, Edinho arrancou pela direita e tocou para Nilmar cruzar até Daniel Carvalho, mas Henrique cortou de cabeça para escanteio. Bom avanço do volante colorado.

Aos 7min, grande jogada de Nilmar! O atacante recebeu arremesso de lateral de Marcão pela esquerda, driblou um, driblou dois, entrou na área e tocou para Andrezinho. O meia chutou rasteiro no cantinho, com categoria!!! Um belo gol do Inter. Foi o primeiro gol de Andrezinho no Brasileirão.


Andrezinho (D) comemora o seu primeiro gol no Brasileirão

Aos 11min, Daniel Carvalho deu grande lançamento para Nilmar. O atacante arrancou, passou pelo marcador, entrou na área e chutou cruzado para fora. Quase o segundo gol colorado. Nilmar começava a desequilibrar a partida. Aos 13min,  Júlio César fez boa jogada, entrou na área, passou pela marcação e chutou por cima. A primeira chegada com perigo do time goiano.

O Inter começou muito bem a partida. Com boa marcação no meio-campo, a equipe tem bloqueado as chegadas do time da casa. Aos 16min, Marcão deu bom passe para Daniel Carvalho que cruzou rasteiro para Nilmar, mas Harlei salvou em boa saída do gol. Aos 17min, Júlio César recebeu grande passe na área e quando ía chutar, Edinho salvou para escanteio. Corte providencial do volante. Aos 19min, Vitor deu bom passe para Paulo Baier, na área, mas o juiz anulou o lance por impedimento.

Aos 22min, Ramon na função de Guiñazu ajudava bastante na marcação e procurava avançar para apoiar os jogadores de frente, Andrezinho, Daniel Carvalho e Nilmar. Aos 27min, o Goiás chegou com Tiago Feltri, que recebeu na área e chutou cruzado para boa defesa de Lauro. Aos 29min, Nilmar recebeu passe de Daniel Carvalho e goi atingido pelo zagueiro na área. O juiz não deu o pênalti. Aos 31min, Paulo Baier recebeu na área e quando ía chutar, Índio salvou em corte perfeito.

Aos 36min, depois de cobrança de escanteio, Fahel subiu e cabeceou forte para empatar o jogo. 1 a 1. Aos 38min, Tiago Feltri caiu na área, se atirando e o juiz deu pênalti, absurdamente. Ricardo Lopes sequer encostou no jogador. Um absurdo. Na cobrança, justiça!! Iarley cobrou alto e desperdiçou a chance!

Aos 44min, Marcão recebeu bom passe de Daniel Carvalho, na área, e cruzou para Harlei salvar em boa saída do gol. Aos 47min, Iarley lançou para Paulo Baier na área, mas Ricardo Lopes salvou em desarme providencial. Foi o último lance do primeiro tempo.

No intervalo, Romerito entrou no lugar de Tiago Feltri, no Goiás.
 
Aos 3min,  Vítor recebeu na área e depois de um bate-rebate, a bola sobrou para o lateral chutar para fora, mas o lance foi anulado por impedimento. O jogo diminuiu um pouco de ritmo na etapa final. O Goiás tentava atacar, enquanto o Inter buscava os contra-ataques. Aos 13min, Daniel Carvalho deu grande passe para Andrezinho, que matou a bola e chutou para defesa salvadora de Harlei, na entrada da área. Aos 15min, Iarley tentou cruzar e a bola foi direto para o gol para boa defesa de Lauro para escanteio.


Nilmar tenta vencer o goleiro Harley

Aos 16min, Lauro fez boa saída do gol e repôs a bola rapidamente para o contra-ataque com Andrezinho. Daniel Carvalho cruzou para Nilmar, mas a bola saiu forte. Aos 19min, a bola foi cruzada para Romerito que girou no cantinho e Lauro fez boa defesa. Aos 20min, Daniel Carvalho ergueu a bola para a área e Bolívar foi agarrado na área, mas o juiz não marcou o pênalti. Um minuto depois, Magrão recebeu na área e chutou forte para grande defesa de Harlei.
 
O árbitro Sálvio Spinola seguia aprontando. Aos 22min, Índio de carrinho forte na bola e o juiz não deu a falta, mas aplicou o cartão amarelo no jogador colorado. Aos 23min o Goiás pressionou a saída de bola e Paulo Baier chutou por cima com perigo.

O jogo seguia equilibrado. Aos 31min, Romerito recebeu na área e chutou para grande defesa de Lauro, mas o lance já estava parado por impedimento. Aos 32min, Taison entrou no lugar de Andrezinho. Aos 37min, o Goiás teme uma mudança: saiu Paulo Baier para a entrada de Anderson Gomes. Aos 39min, mais uma alteração no Inter: Daniel Carvalho deixou o campo para a entrada de Rosinei.


Magrão em ação contra o Goiás no Serra Dourada

Aos 43min, duas mudanças ao mesmo tempo, uma em cada time. No Inter, entrou Danny Morais no lugar de Índio, que saiu lesionado. No Goiás, Lusmar substituiu Júlio César. Aos 47min, Ricardo Lopes recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Logo em seguida, a partida acabou.

Com o resultado, o time colorado segue na 10ª colocação, a nove pontos do G4, faltando nove rodadas. No próximo sábado  (18/10), o adversário é o Atlético-PR, no Beira-Rio.

"A gente precisava ter vencido. Estamos pagando pelos erros no início do campeonato. Empatar aqui não é mau resultado, mas hoje foi pela situação da tabela", disse Magrão.

"As duas equipes pretendiam a vitória. Não dá pra desanimar, vamos buscar vencer em casa agora", disse Nilmar.

"Tem nove rodadas ainda. O Inter tem um excelente plantel e temos que seguir lutando", avaliou Bolívar.

"Todos os jogadores me apoiaram muito antes, durante e depois da partida. Foi uma estréia positiva. Infelizmente sofremos um gol de bola parada", afirmou o goleiro Lauro.

"É difícil substituir o Guiñazu, mas enquanto ele estiver se recuperando, gostaria de estar no time. Estou me adaptando aos poucos a esta nova função no meio-campo", observou Ramon.

"Vamos continuar pensando jogo a jogo. Sabemos que a vaga da Libertadores está distante, mas vamos seguir trabalhando com dedicação. O resultado de hoje foi normal, por ser no Serra Dourada, onde é difícil jogar. Não foi bom para o nosso contexto atual", analisou assessor de futebol Fernando Carvalho.

"Foi um jogo complicado. Podíamos até ter perdido em função do erro da arbitragem, que marcou um pênalti inexistente. O time buscou a vitória durante todo o tempo, mas não conseguiu marcar mais um gol. Quem fez as grandes defesas do jogo foi o Harley. O campeonato está equilibrado, vamos seguir lutando, pois ainda há a possibilidade da Libertadores", declarou o técnico Tite.

"Sabíamos que não iria ser fácil enfrentar o Goiás, o time de melhor campanha no returno, até porque tivemos uma série de desfalques. A arbitragem também foi muito mal e interferiu na partida", observou o vice-presidente de futebol Giovanni Luigi.

> Veja o gol colorado e entrevistas com Tite, Lauro e Ramon

Ficha técnica:
 
Goiás (1): Harlei; Henrique, Ernando e Rafael Marques; Vítor, Fahel, Fábio Bahia, Paulo Baier (Anderson Gomes), Tiago Feltri (Romerito) e Júlio César (Lusmar); Iarley. Técnico: Hélio dos Anjos.

Internacional (1): Lauro; Ricardo Lopes, Índio (Danny Morais), Bolívar e Marcão; Edinho, Magrão, Andrezinho (Taison) e Ramon; Nilmar e Daniel Carvalho (Rosinei). Técnico: Tite.

Gols: Andrezinho (I), aos 7min do primeiro tempo, Fahel (G), aos 36min do primeiro tempo.

Cartões amarelos: Fahel (G), Ricardo Lopes, Índio (I). Expulsão: Ricardo Lopes (I). 

Público: 13.603 pagantes / Renda: R$ 216.620,00

Arbitragem: Salvio Spinola (SP), auxiliado por Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Nilson Alves Carrijo (DF).

Local: Serra Dourada, Goiânia-GO.


Outras notícias
Loja Virtual