10/08/2008

As reestréias de Daniel Carvalho e Bolívar

O Internacional enfrentou neste domingo o Figueirense, pelo Campeonato Brasileiro, e a equipe colorada promoveu quatro estréias para o seu torcedor. As recentes contratações de Daniel Carvalho, Bolívar, Gustavo Nery e Luiz Carlos já mostraram qualidade no empate entre a Academia do Povo e o time de Santa Catarina. O retorno de dois filhos do Beira-Rio poderia ser melhor em razão do resultado, mas as atuações definitivamente animaram os torcedores que estiveram no Beira-Rio. Daniel Carvalho ganhou condição legal no meio da semana e ficou a disposição do técnico Tite para ser escalado na partida que encerrou o primeiro turno do Brasileirão. Bolívar, que havia chegado antes do atacante, já treinava há três semanas no Inter e esperava por uma chance para estrear.


Ídolo, Daniel Carvalho voltou a vestir a camisa do Inter em jogos oficiais

Na sexta-feira, ambos participaram do coletivo no campo suplementar e tiveram atuações destacadas. Para a partida do fim de semana, Sorondo acusou uma dor muscular e foi preservado pelo técnico Tite. Assim, a estréia do zagueiro campeão da Libertadores se desenhava e o momento de vestir a camiseta que há dois anos lhe consagrara era apenas uma questão de tempo. Daniel Carvalho, ainda que sem condições físicas ideais, estava disposto a jogar. Fez jogadas de encher os olhos nos treinos e já demonstrava entrosamento com Taison.


Bolívar voltou defender o Inter e animou o torcedor com sua atuação

A partida começou. Com Bolívar ao lado de Índio e Daniel Carvalho como companheiro de Nilmar. O jogo estava truncado e as jogadas do ataque colorado passavam prioritariamente pelos pés do ex-atacante do CSKA. No primeiro tempo, Daniel Carvalho foi o companheiro ativo para Marcão. Os dois promoveram boas jogadas pela esquerda, enquanto a defesa do Figueirense tentava entender o que acontecia. A técnica apurada do avante colorado havia voltado ao Beira-Rio. Cada domínio de bola significava uma oportunidade para partir para cima do adversário.

Na zaga, Bolívar demonstrava a mesma segurança de Sorondo em jogos anteriores. Com sobriedade fora do comum conteve as iniciativas de Ricardinho e Rafael Coelho, a dupla de atacantes do Figueira. O Inter pressionou todo tempo, mas quem saiu na frente foi o time de Santa Catarina. A resposta veio com Nilmar que empatou o jogo com uma cabeçada oportunista. Fim do primeiro tempo e Tite reservava mais duas estréias para time do Internacional.

A segunda etapa começou com novidade. Gustavo Nery entrou no lugar de Marcão, para dar mais ofensividade ao Inter. A substituição funcionou e o Inter amassou o Figueirense contra o seu próprio campo. Nery apresentou seu cartão de visitas com um chute forte contra o gol de Wilson. Os lances que se seguiram vieram através de cruzamentos, os três do mais novo lateral-esquerdo do Inter. Em pouco mais de 30 minutos em campo, Nery foi à linha de fundo diversas vezes e teve facilidade para concluir a gol. A última estréia da noite veio com Luiz Carlos, que entrou no lugar de Daniel Carvalho, aplaudido pela torcida quando deixou gramado. O artilheiro da série B demonstrou determinação e mostrou ser uma opção valiosa para Tite.

Imposição física e inteligência para fazer tabelas. Em dado momento da partida, Luiz Carlos participou de dois lances que quase resultaram no segundo gol do Internacional. No primeiro, fez tabela com Taison que resultou na bela conclusão de Adriano e a defesa monumental de Wilson. Em seguida dominou a bola, fez o giro e encontrou Bolívar dentro da área. O zagueiro bateu desviado para linha de fundo. Ao final do jogo, Daniel Carvalho celebrou a sua atuação e ressaltou o empenho da equipe. ?Tivemos dedicação e criação. O que nos faltou mesmo foi o gol?, lamentou o atacante colorado. Bolívar disse estar feliz por voltar a vestir a camiseta do Inter e projetou a estréia na Sul-Americana. ?É muito bom retornar ao Inter com a condição de titular. Hoje não fomos felizes. A equipe se superou, mas hoje não era o nosso dia. Temos outra competição no meio de semana e temos que ganhar?, finalizou o jogador.

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual