23/04/2008

TORCIDA EMPURRA O TIME PARA A VIRADA

Os mais de 40 mil colorados presentes ao Beira-Rio nesta noite histórica foram um espetáculo à parte e ajudaram e muito o time em campo na grande vitória. Durante toda a partida, gritou o nome do Inter, incentivou o time e vaiou o adversário. Transformou o Beira-Rio em um local extremamente hostil aos paranaenses que sucumbiram.


Mais de 40 mil colorados vieram ao Gigante na noite de quarta-feira

O apoio começou cedo. Já na chegada das duas equipes ao estádio, pôde-se comprovar isso. Quando o grupo se deslocou de ônibus até o estádio, viu milhares de torcedores cantando e gritando confiantes. O clima contagiou a todos os jogadores que passaram a cantar as músicas das torcidas dentro do ônibus mesmo. Já o adversário chegou atrasado ao estádio por enfrentar dificuldades de trânsito, tamanho era o movimento dos colorados ao redor do Beira-Rio.


O Beira-Rio rugiu: massa colorada empurrou o Inter rumo à classificação

Durante a partida, a torcida não arrefeceu um minuto sequer. O começo foi difícil com a lesão de Jonas e o gol de Fábio Luiz. Mas ninguém arrefeceu. Tão logo saiu o gol do Paraná, a torcida reagiu e cantou forte. A cada ataque, a cada gol colorado, o estádio tremia. Uma apoteose que lembrou os grandes momentos da conquista da Libertadores em 2006.

No final do jogo, os jogadores reconheceram o apoio recebido e correram em direção às arquibancadas. Fernandão fez mais: deu uma volta olímpica agradecendo a cada setor do estádio pelo incentivo. ?Essa é a melhor torcida que existe?, elogiou o goleiro Clemer. ?Quando o torcedor vem e grita da maneira que eles gritaram, temos que tirar uma força interior, uma doação a mais?, afirmou Fernandão.


Jogadores comemoraram junto à torcida ao final da partida

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual