16/02/2008

VITÓRIA NO BEIRA-RIO

O Inter venceu por 2 a 0 o Guarany de Bagé na tarde deste sábado, no Beira-Rio, em partida válida pela sexta rodada do Gauchão. Os gols foram do capitão Fernandão e de Alex, artilheiro do Gauchão ao lado de Iarley com quatro gols. Com este resultado o time colorado continua na vice-liderança da Chave 2 com 13 pontos ganhos, já que o Inter-SM também venceu nesta rodada.


Autores dos dois gols, Fernandão (E) e Alex (D) comemoram em mais uma vitória colorada

O time colorado buscava a liderança do Grupo 2. Uma vitória sobre o Guarany-Ba daria a primeira colocação provisória da chave, pelo menos até o domingo, quando o Inter-SM enfrentaria o Brasil-Pe em Pelotas. Para alcançar a vitória, o técnico Abel Braga manteve quase o mesmo time que goleou o Brasil-Pe por 5 a 0 no último domingo. O único desfalque foi o volante Magrão, que está com amigdalite e não pôde atuar. Com isso, Andrezinho teve a primeira oportunidade de começar um jogo pela primeira vez no Inter.


Fernandão marca seu primeiro gol no Gauchão, aos 22seg de jogo

O Inter foi a campo então com Renan; Sidnei, Orozco e Marcão; Wellington Monteiro, Edinho, Andrezinho, Alex e Guiñazu; Iarley e Fernandão. Já o Guarany foi escalado com Sandro; Edinho, Bicudo, Darzone e Anderson; Bagé, Evanor, Leandro e Altieri; Dudu e Rincón.

O Inter entrou no gramado diante de um bom público, principalmente se levando em conta um sábado em pleno verão. O Inter começou fulminante!!! Aos 22 segundos, Andrezinho recebeu bom passe de Wellington Monteiro, avançou livre até a linha de fundo e cruzou na medida para Fernandão chutar de primeira e marcar um belo gol: Inter 1 a 0. Foi o 71º gol do capitão pelo Inter. Fernandão é o jogador com mais gols pelo time colorado no atual grupo.

Aos 5min50seg, o Guarany tentou responder com Edinho dando bom passe para Rincón, na área colorada. Andrezinho salvou cortando na hora que o atacante iria concluir. Aos 11mnin10seg, Wellington Monteiro cobrou falta da esquerda em direção a Orozco, que quase conseguiu desviar. A bola, porém, parou nas mãos do goleiro Sandro.

O Inter tocava bem a bola no meio-campo e produzia jogadas de efeito. Aso 12min10seg, Fernandão deu toque genial de calcanhar para Iarley, que foi à linha de fundo e cruzou, mas a bola foi pra fora. Apesar do placar desfavorável, o time de Bagé se mantinha bem recuado com praticamente todos os jogadores do meio para trás. Para furar o bloqueio, o Inter recorria a toques rápidos no meio e muita movimentação com Alex, Fernandão, Andrezinho, Iarley e Guiñazu. Pelos lados, Wellington Monteiro e Marcão também buscavam espaços.


Iarley (E) passa por três adversários e parte para o ataque

Quando tentava atacar, o Guarany não conseguia passar da intermediária colorada graças à boa marcação do time de Abel Braga. A partir dos 20 minutos, o time de Bagé tentou atacar mais, mas também deixou espaços generosos para o contra-ataque. Alguns passes errados, porém, impediram o Inter de ampliar o placar.

Aos 26min40seg, um susto. Depois de cobrança de falta para a área, a bola sobrou para Leandro, na área, chutar e Renan fazer defesa salvadora, com saída do gol arrojada. Na seqüência, a bola foi cruzada novamente para a pequena área e o goleiro colorado defendeu mais uma vez.

Cinco minutos depois, Alex cobrou escanteio, a zaga não conseguiu cortar, e a bola sobrou para Marcão na área. Quando o zagueiro iria concluir, porém, um zagueiro conseguiu cortar para novo escanteio. Cinco minutos depois, Alex cobrou escanteio, a zaga não conseguiu cortar, e a bola sobrou para Marcão na área. Quando o zagueiro iria concluir, porém, um zagueiro conseguiu cortar para novo escanteio.


Show à parte: torcedor colorado fez bonita festa com a vitória no Beira-Rio

Aos 37min30seg, a bola sobrou pra Evanor na área chutar e Renan defender. O juiz, no entanto, anulou o lance por impedimento. Aos 39min, Sidnei apareceu como elemento-surpresa na frente da área do Guarany. O zagueiro avançou até a área, driblou e chutou de perna esquerda por cima.

Aos 41min, Marcão deu grande lançamento para Wellington Monteiro na área. O ala cruzou de primeira, mas o goleiro defendeu na pequena área. Aos 42min, Edinho cruzou da intermediária para Marcão cabecear por cima. Dois minutos depois, Alex entrou na área pela direita e cruzou para Iarley, livre na pequena área. A bola, porém, foi um pouco alta e o atacante não conseguiu alcançar. Foi o último lance importante da primeira etapa.


?Fizemos um gol no início e a tendência é melhorar no segundo tempo?, disse Edinho, na saída do campo.

?Temos que manter a pegada para a segunda etapa?, avaliou Andrezinho.

?A gente tem que acelerar um pouco mais para a zaga deles não recompor?, afirmou Iarley.

?O gol no começo é bom para quebrar o bloqueio deles. Temos que aproveitar mais as conclusões no segundo tempo?, disse Fernandão, autor do gol no primeiro tempo.

?Vamos ver se conseguimos aproveitar os espaços no contra-ataque para fazer mais gols?, avaliou Alex.

Para a etapa final, o técnico Abel Braga mudou o posicionamento de Alex e Andrezinho para melhorar o rendimento da equipe. O Inter começou com força na etapa final. A 1min45seg, Iarley fez boa jogada pela intermediária e tocou para Alex na área. O meio-campista matou a bola e chutou por cima.

A 2min35seg, Edinho deu ótimo lançamento para Fernandão, que matou no peito e chutou para marcar o segundo gol. O bandeirinha Alexandre Kleiniche, porém, equivocadamente anulou o lance por impedimento. O lance era legal, mas a arbitragem prejudicou o Inter. A 4min20seg, Alex cobrou falta para a área na direção de Fernandão. O capitão foi puxado por Bicudo, mas o juiz Márcio Coruja não marcou o pênalti. Na seqüência, a bola quicou no gramado e o goleiro salvou para escanteio.

Aos 6min45seg, Wellington Monteiro cobrou falta, Marcão desviou para boa defesa de Sandro. Na seqüência, Sidnei pegou o rebote, mas o juiz marcou impedimento. O Inter pressionava em busca do segundo gol. Parecia questão de tempo para ele sair. Aos 8min40seg, Andrezinho cruzou para a área, o zagueiro Bicudo tentou cortar e quase marcou gol contra. Aos 12min20seg, em boa troca de passes, Fernandão tocou para Alex, que achou Andrezinho na área. O meia chutou cruzado para fora com perigo. Aos 13min10seg, o Guarany fez a primeira mudança da partida. Saiu Dudu para a entrada de Michel.


Alex (C) na jogada do gol, dribla o defensor do Guarany e prepara o chute

Aos 15min30seg, saiu o segundo gol colorado. E foi um golaço. Fernandão deu toque de primeira para Andrezinho que fez grande lançamento até Alex na área. O meia matou a bola, deu grande drible no goleiro e tocou por cobertura: 2 a 0. Foi o quarto gol de Alex no Gauchão, goleador da competição ao lado de Iarley. Alex é também o goleador do Inter na temporada com cinco gols.

Aos 21min30seg, entrou Brochi e saiu Leandro no Guarany. Aos 21min50seg, Wellington Monteiro cobrou falta, a bola quicou e o goleiro Sandro soltou. No rebote, porém, a defesa conseguiu afastar.

Em 10segundos, o Inter teve duas grandes chances para marcar, ambas com Fernandão. Aos 23min30seg, ele recebeu grande passe de Iarley e chutou para defesa sensacional de Sandro. Em seguida, o capitão novamente teve a chance para marcar, concluiu colocado, mas a bola tocou na trave e não entrou. O time colorado jogava bem, chegava com facilidade à frente e a torcida vibrava na arquibancada. Estava com cheiro de nova goleada.

Aos 28min45seg, Andrezinho, de grande atuação, deixou o gramado bastante aplaudido para a entrada de Ramon. Foi de Andrezinho os dois passes para os dois gols colorados até então. Aos 29min45seg, Iarley cruzou com precisão para Sidnei na área. O zagueiro tentou a conclusão de primeira, mas não conseguiu acertar.


Guiñazu (C) mostra sua tradicional raça e qualidade no meio-campo colorado

Aos 32min30seg, Ramon arriscou da intermediária com um chute forte para defesa de Sandro. Aos 33min, uma mudança para cada lado. No Guarany, entrou Deivis Thiago para a saída de Altieri. No Inter, Alex foi substituído por Bustos. O meia foi muito aplaudido pela torcida. Aos 33min55seg, Brochi chutou forte para boa defesa de Renan.

Aos 35min30seg, Deivis Thiago entrou na área, mas o goleiro colorado salvou com boa saída do gol. Aos 36min saiu Iarley e entrou Gil no Inter. Trinta segundos depois, Brochi recebeu na área e concluiu rasteiro para defesa de Renan.

Aos 39min35seg, Fernandão chutou forte para grande defesa de Sandro pra escanteio. Aos 42min15seg, Bustos cobrou escanteio na cabeça de Fernandão. A conclusão, porém, saiu ao lado do gol, com perigo. Um minuto depois, novamente Bustos ergueu bem para a área até Orozco cabecear e quase marcar mais um.

Aos 45min15seg, Bustos cobrou falta com precisão. A bola tocou na trave. No rebote, Marcão tentou matar a bola, um zagueiro o empurrou , mas o juiz não marcou o pênalti. Foi o último lance importante da partida. O segundo tempo foi amplamente dominado pelo Inter que merecia ter vencido por bem mais gols. O 2 a 0 foi injusto tamanha foi a criação de oportunidades do time colorado.

Foram 16 chances de gol na etapa. Com este resultado o time colorado continua na vice-liderança da Chave 2 com 13 pontos ganhos, já que o Inter-SM também venceu nesta rodada. Além disso, seguiu com o melhor ataque da competição com 15 gols em seis jogos.

"Foi bom mas precisamos trabalhar mais para aproveitar mais as chances criadas", avaliou Fernandão na saída de campo.

"Você chega ao clube com o pensamento de ser titular. Tive a oportunidade de sair jogando e consegui participar dos dois gols. Jogar ao lado do Fernandão dispensa comentários. Ele é muito inteligente e rápido. O time do Inter se movimenta muito e todos chegam à frente. Isso facilita muito para você desempenhar o futebol", disse Andrezinho.

"O segundo tempo foi bom, o time tocou bem a bola e conseguiu envolver o adversário. Foi bom, mas pode ser melhor", avaliou o técnico Abel Braga.

"O time criou bastante, não conseguimos concluir tudo que fizemos durante a partida, mas o importante é que jogamos bem e vencemos o jogo", disse Fernandão.

"O Inter jogou melhor no segundo tempo e assumiu a liderança do grupo?, falou Wellington Monteiro.

"O jogo foi bom, não senti mais dor e agora é pensar na quarta-feira diante do São Luís?, afirmou Edinho.

"A Federação tem de colocar árbitros mais experientes, pois num jogo como esse não compromete os seus erros, mas imagina em um jogo decisivo", criticou o presidente Vitorio Piffero, referindo-se aos equívocos de arbitragem contra o Inter na partida.

"Quero agradecer o torcedor que veio em bom número, pois sabemos que o pessoal ainda está na praia em clima de férias", agradeceu o vice-presidente de futebol, Giovanni Luigi.

Internacional (2): Renan; Sidnei, Orozco e Marcão; Wellington Monteiro, Edinho, Andrezinho (Ramon, 28min45seg2ºt), Alex (Bustos, 33min2ºt) e Guiñazu; Iarley (Gil, 36min2ºt) e Fernandão. Técnico: Abel Braga.

Guarany-Ba (0): Sandro; Edinho, Bicudo, Darzone e Anderson; Bagé, Evanor, Leandro (Brochi) e Altieri (Deivis Thiago); Dudu (Michel) e Rincón. Técnico: Bebeto Rosa.

Gols: Fernandão, aos 22segundos do primeiro tempo, Alex , aos 15min30seg do segundo tempo. Cartões amarelos: Leandro, Dudu, Darzone, Deivis Thiago, Bagé (G) , Sidnei, Andrezinho (I). Renda: R$ 208.904,00. Público: 19.455 (17.026 pagantes). Arbitragem: Márcio Coruja, auxiliado por Alexandre Kleiniche e José Inácio de Souza. Local: Beira-Rio.

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual