16/12/2007

GABIRU, O HERÓI FESTEJADO

Por Matheus Kern
Fotos: Daniel Boucinha
Edição: Aleco Mendes e Felipe Silveira

O atacante Adriano Gabiru foi um dos grandes destaques da festa de celebração de um ano da  maior conquista da história do Internacional. Desde cedo, o autor do gol sobre o Barcelona na final do Mundial Fifa de 2006 participou dos eventos que cercaram a comemoração do antológico 17 de dezembro. Na tarde de domingo, Gabiru participou da carreata organizada pela confraria Tambores de Yokohama: desfilou em um caminhão com a taça do Mundial nas mãos e acenou para os entusiasmados colorados que estavam nas calçadas vendo a carreata passar.


Gabiru interagiu com a galera no Gigantinho

Mais tarde, já no Ginásio Gigantinho, mostrou muita disposição no palco durante o show que reuniu diversos músicos colorados. Gabiru se sentiu à vontade para discursar para os cerca de 7 mil torcedores que estavam na platéia: "É muito especial esse carinho da torcida. Agradeço a Deus por ter me dado a oportunidade de ter marcado o gol da conquista, só pra ver essa torcida feliz desse jeito", comemorou.

Adriano Gabiru assiste ao filme em camarote

Em um dos camarotes do ginásio Gigantinho, um torcedor especial esperava ansioso o filme 'Gigante - Como o Inter conquistou o mundo' começar. Adriano Gabiru, um dos heróis do título, aguardava ao lado da esposa o início da projeção. "Será que deu alguma coisa errada? Está demorando pra começar", comentou o jogador, impaciente. Com o documentário rodando, Gabiru silenciou, com os olhos atentos, concentrado, como no momento em que recebeu passe do Iarley há exatos 364 dias atrás.


Atacante reviveu as emoções da final em Yokohama ao ver o filme 'Gigante - Como o Inter conquistou o mundo'

A cada depoimento e a cada lance mostrado da partida Internacional x Barcelona, Gabiru fazia comentários com a esposa. O jogador encontrava tempo para acenar para os fãs que gritavam seu nome nas arquibancadas e para bater fotos com os torcedores que estavam em camarotes vizinhos. Quanto mais se aproximava o momento do gol no filme, mais Gabiru se concentrava. Ao ver seu depoimento no longa, Adriano esboçou um sorriso tímido. Quando a jogada do gol iniciou na projeção, Gabiru apertou firme à mão da esposa, segurando a emoção na habitual timidez. Os olhos marejaram, mas o jogador segurou-se. "É a segunda vez que assisto ao filme. Ontem, em casa, não precisei me segurar. Hoje vejo o filme só para me alegrar", afirmou Adriano Gabiru, autor do gol mais importante da história colorada.  

Encontro de fãs

Terminado o show de artistas gaúchos no palco do Gigantinho, um encontro inusitado ocorria nos bastidores. Adriano Gabiru e Armandinho cumprimentaram-se e abraçaram-se, enquanto torcedores esperavam para tirar fotos e pedir autógrafos a ambos. Posando para as fotografias, o cantor e o jogador trocavam elogios, revelando uma admiração recíproca. "É uma pena eu não ter um cd ou um dvd para ele autografar pra mim", lamentou Armandinho, que veio de Florianópolis para cantar para os colorados. "Virei fã das músicas do Armandinho nesses anos que morei aqui no Sul. Não podia perder a oportunidade de cumprimentá-lo", declarou Adriano Gabiru, feliz de encontrar o músico. Depois, chegou a vez de atender aos pedidos dos fãs que esperavam na porta de saída.


Herói do Mundial é fã de Armandinho (E)

Fotos: Daniel Boucinha


Outras notícias
Loja Virtual