12/12/2007

RETROSPECTIVA DO MUNDIAL: PARTE 8

No mês do primeiro ano de aniversário da conquista do Mundia Fifa, o site irá relembrar os momentos marcantes da histórica jornada do Inter no Japão. A partida da delegação colorada para o Oriente, os treinos preparatórios no solo asiático, a estréia diante do Al-Ahly, a grande final contra o Barcelona e o apoteótico retorno para Porto Alegre poderão ser revividos pelos internautas através das matérias que foram publicadas no portal colorado na época do Mundial. Reviva todas as emoções!

>> IMAGENS do Inter no Japão

Mundial Fifa: Inter em busca da maior das taças (12/12/2006)

O Internacional começa a sua caminhada em busca do título do Mundial Interclubes da Fifa amanhã (13/12), a partir das 8h20min (horário de Brasília), no Estádio Nacional de Tóquio. O time colorado enfrenta o Al-Ahly, do Egito, por uma Vaga à final da competição.


Inter, de Fernandão, estréia no Mundial Fifa (Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

Depois de uma semana de treinamentos físicos e táticos no Japão, o Internacional estréia na competição mais importante do planeta nesta quarta-feira (13/12), logo na semifinal. Se vencer, avança para a final no próximo domingo diante do vencedor de Barcelona e América, do México, que se enfrentam na quinta-feira. O regulamento prevê uma prorrogação de 30 minutos se houver empate no tempo normal. Se persistir a igualdade, a decisão será por pênaltis. O time do técnico Abel Braga, que renovou esta semana o contrato por mais um ano, deverá começar a partida com Clemer; Ceará, Índio, Fabiano Eller e Martín Hidalgo; Edinho, Wellington Monteiro, Fernandão e Alex; Alexandre Pato e Iarley.


Técnico Abel Braga passa instruções no treino: tudo pronto para a estréia (Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

Como os dois times têm as mesmas cores, houve sorteio da Fifa para definir quem irá atuar com o uniforme reserva. E coube ao Inter atuar com o uniforme número 2. Dessa forma, o time colorado começa com a camisa branca. Será a estréia também do uniforme criado pela Reebok para os jogos do Mundial.

A temperatura em Tóquio está baixa, algo em torno dos 8 graus à noite, mas o vento faz a sensação térmica ser ainda mais gelada. A previsão para o jogo era de tempo bom, mas mudou. Agora, a previsão é de chuva forte. Apesar do horário da partida no Japão ser relativamente cedo (19h20min), o confronto será disputado já com luz artificial porque escurece por volta das 17h, nesta época do ano por aqui.


Zagueiro Índio (E) promete forte marcação sobre o adversário egípcio (Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

O Inter deverá contar com pelo menos mil torcedores colorados no estádio. Até esta terça-feira (12/12), cerca de 600 torcedores já haviam chegado ao Japão, que devem receber o reforço de gaúchos e brasileiros que moram em território japonês. Nesta terça-feira, pelo menos 100 torcedores colorados acompanharam o Inter no treino recreativo realizado no Estádio Nacional de Tóquio. Os jogadores reconheceram o gramado, treinaram cobranças de penalidades máximas e estão prontos para o jogo decisivo.


Inter fez o reconhecimento do Estádio Nacional de Tóquio (Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

?O trabalho foi bom e estamos prontos para enfrentar este momento que pode ser único?, afirmou o meia Alex. ?Um Mundial representa o ponto mais alto das nossas carreiras, para nós brasileiros. Viemos para ser campeões e não apenas competir?, ressaltou o capitão Fernandão.

O Al-Ahly se classificou para enfrentar o Inter depois de bater o Auckland City por 2 a 0 no último domingo. Os destaques da equipe são justamente os jogadores que marcaram os dois gols. O egípcio Aboutrika e o angolano Flávio, que formam a dupla de atacantes. O campeão africano deverá adotar uma postura de franco atirador diante do Inter. Pelo menos foi o que declarou o seu treinador, o português Manoel Jorge. ?Temos que mostrar mais fé em nós mesmos. Não temos nada a perder e na pior das hipóteses vamos ganhar uma experiência valiosa. Nós temos alguns bons valores individuais então não há o que temer?, afirmou Manoel Jorge.

Internacional: 1 ? Clemer; 2 ? Ceará, 3 ? Índio, 4 ? Fabiano Eller e 6 ? Hidalgo; 8 ? Edinho, 5 ? Wellington Monteiro, 7 ? Alex e 9 ? Fernandão; 11 ? Alexandre Pato e 10 ? Iarley. Técnico: Abel Braga.

Al-Ahly: 1 - El Hadary; 7 - Shady Mohamed, 8 ? Ahmed, 20 ? Mohamed Sedik e 2 ? El Shater; 6 ?Gomaa, 17 ? Shamky, 13 ? Ashour e 9 ? Emad Moteab; 22 ? Aboutrika e 23 ? Flávio. Técnico: Manoel Jorge.

Horário: 8h20min (horário de Brasília).
Local: Estádio Nacional de Tóquio, no Japão.
Arbitragem: Subkhiddin Mohd Salleh (Malásia), auxiliado por Hamdi Al Kadri (Sri Lanka) e Eisa Ghuloum (Emirados Árabes Unidos).


Outras notícias
Loja Virtual