01/12/2007

INTER É TRICAMPEÃO GAÚCHO JUVENIL

A equipe juvenil colorada sagrou-se tricampeã gaúcha, na tarde do último sábado (1º/12), no campo principal do estádio Beira-Rio. O Inter goleou o Grêmio por 3 a 0, com gols de Bregalda, João Paulo e Lucas Roggia. Foi o segundo jogo da final. Na primeira partida, o Inter venceu por 1 a 0, no estádio Olímpico, com gol de Tales.


Zagueiro Bregalda comemora o primeiro gol da goleada

Com o time juvenil do Inter exercendo pressão no ínício do primeiro tempo, o placar quase foi aberto aos 2min. Após cobrança de escanteio de Rafael Forster, Juliano Pacheco cabeceou para baixo, obrigando o goleiro Busatto da equipe gremista a fazer uma boa defesa. Aos 16 min, novamente pelos pés de Forster, o Inter criou uma grande chance. O lateral-esquerdo foi até a linha de fundo e cruzou, Elton não conseguiu alcançar e perdeu uma boa chance para abrir o placar no Beira-Rio.

O domínio colorado era visível e isso pôde ser visto pelo número de escanteios, seis a três para o Inter. Ainda na primeira etapa, Tales driblou pelo lado esquerdo, tabelou com Natan e tocou para João Paulo que chutou por cima. O Grêmio chegou no ataque com perigo apenas aos 38 min, quando Douglas chutou perto, após rebote de uma cobrança de escanteio. O Inter voltou a atacar com perigo aos 40 min, Tales pelo lado esquerdo deu meia lua no zagueiro gremista e cruzou rasteiro para dentro da área, mas a zaga se recuperou e afastou o perigo.


Lateral-esquerdo Rafael Forster (D) vence jogada sobre adversário

No segundo tempo o jogo foi mais equilibrado, porém o Inter abriu cedo o marcador. Aos 8min, Tales cobrou escanteio, a zaga afastou, mas no rebote Forster dominou a bola, invadiu a área e foi derrubado. Pênalti marcado pelo árbitro. Três minutos mais tarde o zagueiro Bregalda cobrou forte no canto esquerdo do goleiro do Grêmio e fez 1 a 0 pro Inter.

O jogo continuava parelho, com o time do Grêmio correndo atrás do marcador, quando aos 20min o lateral Thiago foi expulso após falta dura. Com um jogador a mais, o Inter tratou de tocar a bola e valorizar o tempo. Aos 24 min, João Paulo pelo lado direito de ataque colorado recebu bom passe de Natan e chutou cruzado para vencer o goleiro gremista. Agora, Inter 2 a 0. Após o gol, João Paulo fez a festa com a torcida presente no estádio Beira-Rio.
 
Quatro minutos mais tarde, depois de uma falha da zaga do Grêmio, a bola sobrou para Lucas Roggia, que dentro da área com oportunismo tirou do goleiro e fechou o placar do clássico. Aos 30 min, Bregalda recebeu o segundo cartão amarelo e, conseqüentemente, o vermelho após falta na frente da área.  Como o time do Inter podia até empatar para se tornar tricampeão estadual, a equipe colorada tocou a bola, sendo acompanhada pelos gritos de olé dos torcedores colorados presentes no Gigante na tarde ensolarada de sábado. O árbitro Marcio Chagas da Silva deu três minutos de acréscimo, tempo que serviu apenas para a torcida começar a fazer a festa pelo tricampeonato juvenil do Internacional.

A campanha no Gauchão foi impressionante: em 30 partidas disputadas, o Internacional venceu 27, empatou uma vez e teve apenas duas derrotas, com 99 gols marcados.

"Esse título fortalece a formação de atletas amadores do Inter", avaliou o diretor executivo das categorias de base, Carlos Fraga. Já o técnico campeão André Prodes valoriza o trabalho feito no Beira-Rio: "A conquista coroa todo trabalho feito aqui dentro do Inter. Comissão, jogadores e direção merecem esse campeonato."


Jogadores colorados com a taça do Gauchão conquistada após a vitória sobre o Grêmio no Beira-Rio

O lateral do time Rafael Forster ficou feliz ao saber que teve sua atuação destacada por parte da imprensa e torcedores. "Ah é?!", disse surpreso. "Muito legal saber disso, trabalhamos para alcançar este título", finalizou com um sorriso estampado no rosto. O meia Tales, um dos destaques das finais, comenta sobre a importância do título: "É importante porque mantivemos a hegemonia da categoria. Nos deixa felizes, já que chegamos ao fim de um ciclo de jogadores que saem do juvenil e vão para os juniores. Isso dá muita moral."

Ficha Técnica:
 
Inter (3): Anderson; Daniel Henrique, Gustavo, Bregalda e Forster (Juan); Natan, Juliano Pacheco, João Paulo e Tales (Diego Morais); Elton e Lucas Roggia (Bryan).

Grêmio (0): Busatto; Thiago, Alessandro,Fabio e Bruno Collaço (Bergson); Jefferson (Alex Junior), Bruno Renan, Pessalle e Alex Gonçalves (Maicon); Douglas e Sato (Gabriel).

Gols: Bregalda, aos 11min; João Paulo, aos 24min; Lucas Roggia, aos 28min. Todos no segundo tempo. Cartões amarelos: Bregalda (I), Forster (I). Pessale (G), Fábio (G) e Alessandro (G). Cartões vermelhos: Bregalda (I) e Thiago (G). Arbitragem: Marcio Chagas da Silva. Assistentes: Edson Arnhold e Rosmeri Lemos. Local: estádio Beira-Rio.

Fotos: Mirela Putrich


Outras notícias
Loja Virtual