21/10/2007

DESTAQUE: CAPITÃO FERNANDÃO DECIDE DE NOVO

E mais uma vez Fernandão decidiu para o Inter. Diante do Juventude, neste domingo, o capitão das conquistas da Libertadores e do Mundial deu show no Beira-Rio. Além de marcar dois gols, deu o passe para o outro gol, fez lindas jogadas e foi o grande destaque da goleada sobre o time caxiense que deixou o Inter mais próximo da vaga na próxima Copa Sul-Americana.

Símbolo da era moderna de vitórias do Internacional, Fernandão chegou a 65 gols marcados com a camisa colorada neste domingo. E foram gols de todos os tipos revelando o seu ecletismo e sua grande qualidade. Já havia balançado as redes de cabeça, de pé direito, de pé esquerdo, dentro da área, fora da área, de bicicleta, de pênalti. Faltava ainda um tipo: o gol em cobrança de falta. E ele veio aos 34min10seg em um chute rasteiro na frente da meia-lua. A bola foi bem no cantinho e surpreendeu o goleiro Michel Alves.

"Vocês que acompanham todos os dias, percebem que nós treinamos bastante as cobranças de falta. Eu, o Alex, e agora começa a dar resultado. Eu sempre cobrei faltas, mas não tinha oportunidades pela abundância de bons cobradores aqui no Inter.

Na temporada, Fernandão chegou ao seu sexto gol, quatro deles no Brasileirão. Levando-se em conta os quase quatro meses de inatividade devido à lesão no púbis, é uma marca expressiva. Além de fazer gols, Fernandão também dá assistências aos companheiros. Foi assim no primeiro gol da partida, quando encontrou Magrão entrando na área e deu passe preciso. Além de passes e gols, Fernandão foi soberto em lances de beleza plástica. Em duas oportunidades, deu chapéus sensacionais sobre os marcadores Vanzini e Zé Rodolho, arrancando aplausos de toda a torcida. Uma torcida que cada vez mais venera o seu capitão. Com toda a justiça.


Fernandão recebe o abraço de Marcão após marcar o segundo gol: meia-atacante foi decisivo contra o Juventude

"O Fernandão tem jogado muito bem, marcou dois belos gols hoje, mas não só ele. O Marcão voltou muito bem, nessa espécie de reestréia dele pelo Internacional. A equipe como um todo foi muito bem, o coletivo me agradou demais", afirmou o presidente Vitorio Piffero.

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual