16/09/2007

DERROTA NO OLÍMPICO

Por Alexandre Corrêa (texto) e
Alexandre Lops (fotos)

O Internacional foi derrotado por 1 a 0 pelo Grêmio na noite deste domingo no Estádio Olímpico. O gol foi marcado por Léo no primeiro tempo. Com o resultado, o time colorado ficou na 10ª colocação, com 35 pontos. Na próxima rodada, o Inter enfrenta o Atlético-MG em Belo Horizonte.


Adriano conclui para defesa de Saja: Inter perdeu por 1 a 0

Antes da partida, o ambiente colorado era de tranqüilidade, concentração e confiança. O deslocamento do hotel onde o clube ficou concentrado até o local da partida passou pelos bairros Cristal, Teresópolis até entrar na Azenha. O Inter chegou ao estádio do rival em busca de manter um tabu: há três anos não perdia para o Grêmio no Olímpico. No ano passado, durante o Brasileirão, venceu por 1 a 0, gol de Iarley.

Em campo, o técnico Abel Braga manteve a estrutura do time que havia batido o Flamengo por 3 a 0. Sem poder contar com Magrão, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Abel escalou o volante Magal. No ataque, a principal novidade foi Fernandão, que começou uma partida pela primeira vez depois de ter curado a lesão no púbis. No gol, Renan substituiu Clemer, que foi suspenso por dois jogos pelo STJD. A partida representava uma marca especial para Alex, que completou o seu 100° jogo pelo Inter. No Grêmio, a novidade foi a escalação do atacante Jonas, que foi contratado junto ao Santos.

Apesar de estar com seu espaço limitado a cerca de 3 mil lugares, a torcida colorada esteve presente, lotando os seus lugares. Com bandeiras coloradas e faixas com as cores da bandeira do Rio Grande do Sul, os colorados empurraram o time do técnico Abel. Braga.


Colorados marcaram presença no Olímpico

Antes do jogo, os jogadores do Inter se abraçaram e formaram um círculo no gramado, demonstrando mobilização e união.

O jogo começou em ritmo intenso. A 1min15seg, Alex cobrou falta para a área e a bola sobrou para Adriano chutar na trave. O Grêmio respondeu aos 2min com lançamento de Sandro Goiano para Tuta, na área. O centrovante matou no peito e concluiu para fora. Aos 4min, em nova cobrança de falta para a área, Wellington Monteiro ergueu para Sidnei desviar de Saja. A bola passou ao lado do gol, mas o juiz já marcava impedimento.

Aos 7min10seg, Bustos cobrou falta mal marcada pelo juiz na intermediária. A bola subiu e passou por cima. Aos 8min35seg, Wellington Monteiro cobrou lateral para a área, Fernandão matou no peito, deu um chapéu no adversário e concluiu ao lado do gol, em uma linda jogada.

Aos 12min, um susto. Tcheco cobrou escanteio e William cabeceou no travessão. Aos 12min45seg, depois de novo escanteio, a bola sobrou para Tuta cruzar e Léo cabecear no canto: 1 a 0. O Inter tentou reagir aos 15min50seg, Renan lançou para Adriano que recuou até Fernandão, na entrada da área, concluir por cima. Aos 16min25seg, Adriano recebeu lançamento na área e chutou, mas Saja salvou em grande saída de gol.


Fernandão arrisca de fora da área

Depois do gol, o time colorado buscou tocar a bola em busca de espaços, enquanto o Grêmio se posicionou atrás e tentou os contra-ataques. Aos 21min25seg, Guiñazu fez boa jogada e tocou de calcanhar para Fernandão chutar rasteiro e Saja defender. Aos 25min, Jonas entrou na área e quando iria concluir Sidnei salvou para escanteio.

Aos 28min35seg, o Inter perdeu boa chance para empatar. Alex cobrou falta para a área, a zaga cortou parcialmente e Roger pegou rebote de perna esquerda na área, mas a bola passou ao lado. Aos 30min, Hidalgo cruzou da esquerda e Jonas cabeceou para defesa de Renan. Dois minutos depois, em novo cruzamento de Hidalgo, Tuta cabeceou ao lado do gol.


Roger luta contra Eduardo Costa

Nos últimos 15 minutos, o jogo diminuiu um pouco de ritmo. Só aos 41min20seg houve uma conclusão a gol. Tcheco cobrou falta e Renan defendeu com segurança. Aos 46min,Wellington Monteiro deu bom passe para Adriano na área. O atacante chutou forte ao lado do gol, na última boa chance colorada da primeira etapa.

No intervalo, o técnico Abel Braga modificou a equipe. O atacante Gil entrou no lugar do meia Roger. Com isso, Fernandão recuou para o meio-campo. No começo da etapa final, uma garoa começou a cair no Estádio Olímpico, deixando o gramado um pouco mais escorregadio. A partida caiu bem de ritmo no começo do segundo tempo com o time da casa mais posicionado atrás, enquanto o Inter tentava achar espaços para atacar.


Atacante Gil entrou no segundo tempo

O primeiro lance mais efetivo surgiu aos 6min20seg com Hidalgo cobrando falta para área e Diego Souza cabecear ao lado do gol. Aos 9min, o Grêmio retirou Jonas e colocou Luciano Fonseca. Aos 9min30seg, em jogada ensaiada, Hidalgo recebeu na área e cruzou para a pequena área, onde Sidnei salvou com um chutão. Aos 10min20seg, Luciano Fonseca cruzou e Tuta, de carrinho, concluiu para fora.

Aos 11min30seg, Alex cruzou da esquerda até Wellington Monteiro, na entrada da área, que matou a bola e chutou forte ao lado do gol, com perigo. Aos 13min30seg, Luciano Fonseca recebeu bom passe, entrou na área e quando iria concluir, Alex conseguiu cortar para escanteio. Na cobrança, aos 14min10seg, Léo cabeceou por cima. Aos 19min50seg, Hidalgo cobrou falta por cima. Aos 22min10seg, saiu Edinho e entrou Élder Granja no Inter. Dessa forma, Wellington Monteiro foi para o meio-campo. Aos 24min10seg, Alex cobrou falta para a área e Índio cabeceou ao lado. Aos 27min40seg, Wellington Monteiro deixou o campo para a entrada de Pinga.

Aos 29min45seg, depois de escanteio, Diego Souza tocou de cabeça para William concluir também de cabeça até Renan fazer defesa sensacional. No rebote, Sidnei salvou com chutão. Aos 32min30seg, Fernandão rolou para Granja arrematar com força e Saja defender no canto.

Nos últimos minutos, o Inter buscou pressionar, mas tinha dificuldades para concluir. Enquanto isso, o Grêmio quase ampliou aos 40min10seg quando Hidalgo recebeu na área e chutou ao lado do gol. Aos 41min, saiu Bustos e entrou Patrício. Depois disso, não houve mais oportunidades de gol para o Inter.

?Buscamos o resultado até o final, mas infelizmente não deu?, disse Índio, na saída do campo.

?Ainda faltam 12 jogos e temos que buscar a nossa vaga. Acabamos vacilando na bola parada e sofremos o gol?, disse Fernandão.

?Agora é levantar a cabeça e buscar a vitória na próxima partida?, afirmou Edinho.

"Sempre falamos aos jogadores que um detalhe poderia decidir a partida. Foi o que aconteceu: erramos em um lance e fomos derrotados. Mas foi um jogo igual, muito parelho, por isso acho que o empate seria o resultado mais justo. O time lutou muito em busca do empate, por isso não tenho o que reclamar dos jogadores", analisou o técnico Abel Braga.

"Ainda estamos na briga. Estamos a sete pontos da zona de classificação para a Libertadores e vamos buscar esta vaga com todas as forças", avaliou o presidente Vitorio Piffero.
 
Grêmio (1): Saja; Bustos (Patrício), William, Léo e Hidalgo; Eduardo Costa, Sandro Goiano, Tcheco e Diego Souza; Jonas (Luciano Fonseca) e Tuta. Técnico: Mano Menezes.

Internacional (0): Renan; Wellington Monteiro (Pinga, 27min40seg2°t), Índio, Sidnei e Alex; Edinho (Elder Granja, 22min10seg2°t), Magal, Guiñazu e Roger; Adriano e Fernandão (Gil, intervalo). Técnico: Abel Braga.

Gol: Léo (G), aos 12min45seg do primeiro tempo. Cartões amarelos: Alex, Wellington Monteiro, Edinho, Sidnei, Adriano (I), Tuta, Hidalgo (G). Renda: R$ 644.670,00. Público: 35.547 (32.873 pagantes). Arbitragem: Héber Roberto Lopes (PR), auxiliado por Altemir Hausmann (RS) e Marcelo Barison (RS). Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre.


Outras notícias
Loja Virtual