08/09/2007

GOLEADA SOBRE O FLAMENGO

O Internacional goleou o Flamengo por 3 a 0 na tarde de sábado em partida válida pela 25ª rodada do Brasileirão. Os gols foram marcados por Wellington Monteiro, Roger e Élder Granja. Com o resultado, o time colorado subiu para a nona colocação, com 35 pontos. Agora, a equipe volta suas atenções para o clássico Gre-Nal no próximo domingo (16/9), no Estádio Olímpico.


Roger (D) comemora com Adriano o segundo gol: Inter venceu a equipe carioca por 3 a 0

O Inter foi a campo com uma série de modificações em busca da vitória diante do Flamengo. O meio-campo da equipe do técnico Abel Braga contou com o retorno de Guiñazu, que cumpriu suspensão automática. Na articulação com o ataque, Roger recebeu uma oportunidade. Na frente, Gil estreou com a camiseta colorada ao lado de Adriano. No banco de reservas, o capitão Fernandão retornava ao time depois de 100 dias enfrentando problemas de lesão. A expectativa era de que ele entrasse no decorrer da partida.

O Flamengo, do técnico Joel Santana, teve Rômulo para reforçar a marcação no meio-campo, passando o meia Renato Augusto para o ataque. O atacante Souza, que marcou os gols da final do Gauchão de 2005 pelo Inter, era a principal referência ofensiva da equipe carioca.


Volante Magrão em ação contra o Flamengo

Em um dia ensolarado e de forte calor, apesar de estarmos em setembro, o Beira-Rio recebeu um bom público que vaiou forte o Flamengo quando entrou em campo. A equipe utilizou um fardamento retrô, que lembrava o uniforme dos anos 80. Já o Inter foi a campo com seu fardamento principal e foi saudado com muito apoio. Ao avistar Fernandão se dirigindo para o banco de reservas, o torcedor gritou o nome do capitão das conquistas da Libertadores e do Mundial.

O time colorado começou buscando os cruzamentos das laterais para a área com Wellington Monteiro, pela direita, e Gil, pela esquerda. Já o Flamengo se posicionava atrás e tentava os contra-ataques. A equipe carioca teve que fazer uma substituição cedo. Aos 6min30seg, Toró entrou no lugar de Ibson, que saiu lesionado.


Atacante Gil fez sua estréia no Inter

Aos 8min, Alex cobrou uma falta para a área, a bola quicou no gramado e Bruno defendeu. Aos 9min40seg, os cariocas responderam com um chute de Léo Medeiros, de fora da área, que Clemer defendeu. Aos 10min30seg, Edinho cruzou no segundo pau e Wellington Monteiro cabeceou para defesa de Bruno. O Inter tentava trocar passes e se aproximar da área pelas laterais, mas a equipe flamenguista se fechava bem. Na saída para o contra-ataque, os laterais Leonardo Moura e Juan eram bastante acionados também.

Aos 19min, o Inter pressionou mais em busca do gol quando Sidnei cruzou da direita e quase Gil alcançou na área. Na seqüência do lance, o Inter roubou a bola na intermediária e Gil deu grande passe para Wellington Monteiro na área chutar no canto de pé direito: 1 a 0. Festa no Gigante! Foi o primeiro gol do volante com a camisa colorada. Detalhe: Wellington Monteiro completou 29 anos na última sexta-feira.


Wellington Monteiro marcou o seu primeiro gol pelo Inter

Aos 24min30seg, o Inter fez boa troca de passes até que Roger cruzou da direita e a bola tocou na mão do zagueiro carioca e foi para escanteio. Aos 26min45seg, Edinho fez bom lançamento para Wellington Monteiro na área, que recuou até Roger. O meia-atacante driblou e chutou no canto para fora.

Só dava o Inter. Aos 30min15seg, Alex cobrou escanteio e quase marcou um gol olímpico. Bruno fez grande defesa para novo escanteio e evitou o gol. O time colorado marcava forte a saída de bola e evitava a reação adversária. Pela esquerda, com Gil, o Inter chegava com perigo. Aos 37min, depois de escanteio, a bola sobrou para Sidnei chutar forte por cima.

Aos 38min45seg, Alex cobrou falta para a área, o atacante Souza tentou cortar e quase marcou gol contra. A bola foi por cima do gol. Nos últimos minutos, o goleiro Bruno evitou o segundo gol colorado. Aos 40min50seg, Alex fez nova cobrança para a área e Bruno afastou. Aos 41min30seg, Wellington Monteiro roubou a bola, avançou e chutou rasteiro para grande defesa do goleiro flamenguista. Aos 42min20seg, depois de escanteio, Sidnei chutou forte, Bruno salvou com ótima intervenção e, no rebote, Magrão cabeceou por cima.

O Inter não arrefeceu e seguiu em cima. Aos 44min, Gil fez boa jogada pela esquerda e cruzou para a área. Roger pegou a bola, driblou e chutou forte de perna esquerda para fazer 2 a 0. A exemplo de Wellington Monteiro, Roger marcou o seu primeiro gol com a camiseta colorada no time profissional.


Roger chuta...


e faz o seu primeiro gol pelo time principal

Aos 46min30seg, Roger chutou forte de fora da área e Bruno fez outra defesa importante. Foi o último lance importante do primeiro tempo.

?Muito bom o primeiro tempo?, comemorou o técnico Abel Braga na saída de campo. ?O gol não foi meu, foi de todos?, disse Wellington Monteiro.

?Quando o Inter marca forte a saída de bola, é muito difícil a gente perder?, avaliou o volante Magrão.

A primeira etapa foi amplamente dominada pelo time colorado que, além dos dois gols marcados, poderia ter feito outros se não fosse a grande atuação do goleiro Bruno, que salvou o Flamengo em pelo menos quatro lances.


Jogadores comemoram: Inter dominou o primeiro tempo

No intervalo, uma mudança para cada time. No Inter, saiu Gil e entrou Fernandão, enquanto a equipe carioca retirou Roger e colocou Jaílton. Ao avistar o capitão entrando a torcida colorada comemorou.

No começo da etapa final, o Flamengo tentou avançar e sair da sua postura defensiva, mas daí sobraram os espaços para os contra-ataques do Inter. Logo a 1min30seg, Guiñazu recebeu bom lançamento, entrou na área e quando iria desviar do goleiro Bruno, a zaga conseguiu salvar.

Aos 4min15seg, em uma boa trama do Inter, a bola foi de pé em pé da direita até a esquerda. Alex então cruzou e a bola tocou no braço do zagueiro flamenguista, mas o juiz nada marcou. Quinze segundos depois, a bola foi cruzada para a área, passou por Fernandão e sobrou para Adriano, livre, dominar a bola e concluir por cima, desperdiçando grande chance. Aos 6min30seg, Fernandão deu grande passe para Adriano na área chutar de primeira e Bruno fazer defesa sensacional. Aos 8min15seg, Toró recebeu passe na entrada da área e concluiu por cima.


Fernandão (E) avança com a bola: meia-atacante voltou ao time

Aos 11min, Juan fez boa jogada pela esquerda, entrou na área e cruzou para grande saída do gol de Clemer. Dois minutos depois, Roger foi substituído por Élder Granja. A torcida aplaudiu bastante o autor do segundo gol colorado. Com isso, Wellington Monteiro passou para o meio-campo e Granja ocupou a ala direita. Aos 13min30seg, Jailton chutou de fora da área e Clemer defendeu. Aos 14min15seg, Souza fez boa jogada pela direita, entrou na área e cruzou. A bola foi cortada por Sidnei e, na sobra, Clemer conseguiu a defesa.

Aos 17min, o Flamengo fez a sua última substituição: saiu Renato Augusto e entrou Obinna. Aos 17min30seg, Juan recebeu na área e concluiu por cima. As mudanças deram maior ímpeto ofensivo ao Flamengo, que passou a ameaçar mais.

Fora do lance, Obinna deu uma cotovelada no rosto de Índio, mas o juiz não viu e não expulsou o atacante flamenguista. Aos 22min15seg, Adriano recebeu na área e caiu pressionado por Ronaldo Angelim, mas o juiz não marcou pênalti. Aos 23min40seg, entrou Magal no lugar de Magrão na última substituição colorada na partida. Aos 24min15seg, Souza recebeu na intermediária e chutou forte no poste. Um susto.


Massa colorada empurrou o Inter contra o Flamengo

Aos poucos, o Inter passou a tocar mais a bola para conter a reação carioca. Aos 29min40seg, Guiñazu arriscou da intermediária por cima. Aos 31min30seg, Adriano recebeu de Fernandão, entrou na área e concluiu forte para boa defesa de Bruno. No rebote, a zaga afastou da área. Aos 34min45seg, Edinho deu grande passe para Granja cruzar e Fernandão cabecear por cima.

Aos 39min40seg, Adriano fez grande jogada e quase marcou o terceiro. Ganhou lance em velocidade, matou a bola, entrou na área, driblou o zagueiro e chutou para defesa sensacional de Bruno. A bola ainda tocou no poste e saiu.

Aos 43min, Alex cruzou da esquerda e Élder Granja cabeceou para fazer o terceiro gol, com categoria. Aos 46min, Souza girou na área e Clemer evitou o gol carioca com grande defesa para escanteio.


Granja (E) comemora: lateral fechou a goleada no Beira-Rio

Com o resultado, o Inter subiu para a oitava colocação com 35 pontos e se aproximou da zona de classificação para a Copa Libertadores da América.

"A vitória não foi boa, foi excelente. O resultado é muito justo, ainda mais depois do primeiro tempo que fizemos?, comemorou o técnico Abel Braga.

"Foi uma vitória convicente, que nos deixou bem mais próximos da Libertadores. Agora teremos uma semana para nos prepararmos para o Gre-Nal. Não há favorito no clássico", afirmou o presidente Vitorio Piffero.

"Esta vitória demonstra a qualidade do nosso grupo. Os jogadores que estão há mais tempo no clube e os que chegaram agora foram determinantes no resultado", avaliou o vice-presidente de futebol Giovanni Luigi.

?A confiança, o incentivo do grupo, ainda mais depois de tudo o que eu passei, tudo isso só me motiva ainda mais pra continuar?, disse, comovido, Élder Granja, que passou um ano difícil depois de algumas lesões.

?Foi boa a minha participação. Ainda sinto um pouco, é lógico, mas os dois coletivos que fiz essa semana foram de suma importância. Se o Abel quiser, estou pronto para o Gre-Nal?, avaliou Fernandão.

?Vitória bastante convincente que nos dá confiança pra buscarmos a vitória contra o Grêmio?, projetou o goleiro Clemer.

Internacional (3): Clemer; Wellington Monteiro, Índio, Sidnei e Alex; Edinho, Magrão (Magal, 23min40seg2ºt), Guiñazu e Roger (Élder Granja, 13min2ºt); Adriano e Gil (Fernandão, intervalo). Técnico: Abel Braga.

Flamengo (0): Bruno; Leonardo, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Rômulo, Ibson (Toró), Roger (Jailton) e Léo Medeiros; Souza e Renato Augusto (Obinna). Técnico: Joel Santana.

Gols: Wellington Monteiro ( I), aos 19min30seg do primeiro tempo, Roger  (I ), aos 44min do primeiro tempo, Élder Granja  (I ), aos 43min do segundo tempo. Cartões amarelos: Souza, Juan (F ), Roger, Magrão ( I). Público: 23.705 (20.161 pagantes). Renda: R$ 295.649,00. Arbitragem: Paulo César Oliveira (Fifa-SP), auxiliado por Márcio Augusto (SP) e Emerson de Carvalho (SP). Local: Beira-Rio.

>> Sócio: veja mais fotos da partida <<

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual