25/07/2007

INTER VENCE COM GOL DE PATO

O Internacional venceu o Paraná por 1 a 0 na noite desta quarta-feira no Beira-Rio, em jogo válido pela 14ª rodada do Brasileirão. Alexandre Pato marcou o gol da vitória aos 46min do primeiro tempo. Com o resultado, o time colorado subiu para a nona colocação com 20 pontos e ingressou na zona de classificação à Copa Sul-Americana.


Pato (D) comemora com Ramon: atacante marcou seu quinto gol no Campeonato Brasileiro

O time colorado entrou de branco para promover o uniforme número 2 do clube diante do Paraná na noite gelada no Beira-Rio. Com uma temperatura de 8ºC e uma sensação térmica menor ainda, a equipe entrou em campo munida de toucas e luvas. O goleiro Clemer e o técnico Alexandre Gallo, por exemplo, usaram toucas.

No plano tático, o técnico Alexandre Gallo, sem poder contar com Sidnei, lesionado,  preferiu utilizar um esquema com dois zagueiros (Índio e Sidnei) e deu oportunidades para os garotos Diego e Ramon nas laterais. No ataque, Iarley e Alexandre Pato foram os jogadores mais avançados, enquanto Christian começou no banco de reservas.


Ramon foi a novidade na lateral esquerda

O Paraná não havia perdido ainda fora de casa no Brasileirão. Do modo que atuou no primeiro tempo ficou se sabendo como isso ocorreu. Com um zaga bem posicionada com três jogadores e um meio-campo recheado de jogadores de marcação, a equipe não concedia espaços ao Inter, que teve dificuldades para criar. Dessa forma, a alternativa seria uma jogada individual para furar o bloqueio.

Como o que aconteceu aos 2min25seg, quando Iarley fez grande jogada pela esquerda, driblando dois sobre a linha de fundo e cruzando para Alexandre Pato chutar no corpo de um zagueiro.


Iarley apresentou muita movimentação no ataque

Outra opção seria a bola parada. E assim Pinga tentou, aos 8min25seg, cobrando falta para a área e o goleiro Marcos Leandro salvando no susto. Aos 15min5seg, em nova cobrança de falta, Pinga ergueu para Índio cabecear por cima.

O Paraná só foi dar o primeiro chute aos 18min50seg, com Goiano, de longe, arriscando para defesa fácil do goleiro Clemer. O Inter respondeu um minuto depois com Alex ingressando na área e sendo desequilibrado pelo lateral Alex. O juiz, porém, não marcou o pênalti, entendendo que o jogador primeiro tocou na bola.

A partir dos 20 minutos, o time paranaense passou a ameçar mais em contra-ataques. Aos 22min25seg, Vandinho avançou pelo meio e chutou forte ao lado do gol. Aos 28min35seg, o goleador do campeonato Josiel foi lançado, entrou na área e concluiu cruzado para fora, com perigo.

Nos últimos minutos, o Inter voltou a carga sempre em duas jogadas de Alexandre Pato. Na primeira, aos 43min45seg, o garoto arrancou do meio-campo em diagonal e foi até a área, onde chutou cruzado para defesa do goleiro.


Pato chuta forte para abrir o placar contra o Paraná

Quando parecia que o jogo terminaria o primeiro tempo empatado, surgiu a genialidade de Alexandre Pato. Aos 46min, Alex deu bom passe para Pato, fora da área. Com um toque de primeira e um giro, ele enganou seu marcador, avançou até a entrada da área e chutou forte de perna esquerda no canto: 1 a 0. O quinto gol de Alexandre Pato, goleador colorado no Brasileirão. O 10º gol na temporada. O 12º com a camiseta do Inter.


Goleador: Pato marcou seu 12º gol pelo Inter e o 10º na temporada

O Inter começou em ritmo forte a etapa final. Em três minutos, criou três chances. A primeira com Alex, aos 20 segundos. O meia fez boa jogada pela esquerda, driblou Toninho, entrou na área e chutou por cima. A 1min40seg, Pinga arriscou de fora da área para defesa de Marcos Leandro. A 3min35seg, Alexandre Pato recebeu de fora da área, driblou e chutou ao lado do gol.

Aos 15min5seg, Alex fez outra boa jogada arrancando pela esquerda e cruzando para saída salvadora do goleiro. Aos 16min, entrou o atacante Vinícius Pacheco e saiu Vandinho. Trinta segundos depois, Everton cobrou falta e Clemer defendeu. Aos 19min20seg, Alex cobrou falta, Índio cabeceou para Marcão completar para o gol. O juiz, porém, anulou o lance por impedimento.


Alex chuta...


e o goleiro faz grande defesa

Aos 23min30seg, Iarley recebeu fora da área, pela esquerda, avançou até a entrada da área e concluiu ao lado do gol. Aos 25min25seg, Vinícius Pacheco respondeu com uma arrancada em velocidade até a área e chute para defesa de Clemer.

Aos 26min30seg, Alex deixou o campo para a entrada do volante Wellington Monteiro. A idéia era fechar mais a marcação e apostar nos contra-ataques com Pinga, Pato e Iarley. Um minuto depois, o Paraná fez outra modificação: saiu o zagueiro Toninho e entrou o meia Joélson.


Pinga levou perigo nos contra-ataques

Nos últimos 15 minutos, o time paranaense tentou pressionar, mas o Inter se postou bem na defesa e soube defender o resultado. Aos 31min40seg, Josiel recebeu na entrada da área e bateu rasteiro ao lado do gol. Aos 34min, entrou Renan na vaga de Everton. Dois minutos depois, Diego tocou para Alexandre Pato, que entrou na área em velocidade e concluiu rasteiro e cruzado quase marcando mais um gol. Foi por pouco.

Aos 38min, o técnico Alexandre Gallo retirou Diego e entrou Ji-Paraná. Com isso, Magal passou para a lateral-direita. Três minutos depois, Adriano no lugar de Iarley na última mudança colorada. Aos 46min15seg, Pinga arrancou em diagonal pelo meio e chutou ao lado do gol. Aos 47min20seg, o Paraná ergueu a bola para a área e ela sobrou para Joélson. Quando ele tentava a conclusão, a zaga colorada conseguiu afastar com Marcão.

Com a vitória, o Inter subiu para a nona colocação, na zona de classificação para a Copa Sul-Americana. Foi a quarta vitória em cinco jogos. Além disso, ficou a dois pontos da zona de classificação para a Libertadores da América. Na próxima rodada, o Inter vai a Recife enfrentar o Sport. 

"Estou muito feliz por ter marcado mais uma vez. Meus companheiros estão me ajudando para que isso aconteça", comemorou Alexandre Pato.

?O importante é ganhar os três pontos. O objetivo é sempre vencer?, afirmou Magal.

?Foi um jogo difícil. Mas os três pontos foram muito importantes. Além de vencer, o torcedor quer ver o time jogar bem, mas o adversário nos impôs muitas dificuldades", analisou o goleiro Clemer.

?Fiquei satisfeito com o jogo. Fizemos uma partida de inteligência contra um time perigoso fora de casa. Tivemos uma atuação consistente. Foi um jogo muito igual, parelho, de alto nível. Vamos brigar pela ponta, pensando sempre jogo a jogo", afirmou o técnico Alexandre Gallo.

?Desta vez gostei do resultado e do jogo. A equipe mostrou evolução. O importante agora é seguir neste modelo. É a primeira derrota do Paraná fora de casa. A gente avançou a marcação e neutralizou mais o Paraná, especialmente no segundo tempo. O mais importante são os três pontos e perceber que a equipe esteve mais compacta?, afirmou o vice-presidente de futebol Giovanni Luigi.

Internacional (1): Clemer; Diego (Ji-Paraná, 38min2ºt), Índio, Marcão e Ramon; Edinho, Magal, Pinga e Alex (Wellington Monteiro, 26min30seg2ºt); Iarley (Adriano, 41min2ºt) e Alexandre Pato. Técnico: Alexandre Gallo.

Paraná (0): Marcos Leandro; Toninho (Joélson), Nem e Luis Henrique; Alex, Goiano, Beto, Everton (Renan) e Márcio Careca; Josiel e Vandinho (Vinícius Pacheco). Técnico: Gilson Kleina.

Gol: Alexandre Pato (I), aos 46min do primeiro tempo. Cartões amarelos: Magal, Pinga (I), Goiano, Luis Henrique (P). Renda: R$ 125.215,00. Público: 12.094 (10.808 pagantes). Arbitragem: Paulo Henrique de Godoy Bezerra (SC), auxiliado por Claudemir Maffessoni (SC) e Fernando Lopes (SC). Local: Estádio Beira-Rio.

Sócio: veja a galeria de fotos!

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual