21/06/2007

INTER INVESTE NA SEGURANÇA DO BEIRA-RIO

O Internacional está engajado em oferecer segurança aos torcedores no Beira-Rio. O clube colorado inaugurou na tarde desta quinta-feira a central de monitoramento por câmeras do estádio. 


Clube inaugurou moderna central de monitoramento por câmeras do estádio

A inauguração da central contou com a presença do presidente Vitorio Piffero, do 2º vice-presidente, Mário Sérgio Martins, do vice-presidente de administração, Décio Hartmann, do secretário estadual da Segurança Pública do RS, José Francisco Mallmann, e do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Frederico Antunes, além de representantes da Polícia Civil e da Brigada Militar.

A aparelhagem recebeu um incremento tecnológico com o objetivo de aumentar a efetividade da detecção, recuperação e investigação de ocorrências dentro do Complexo Beira-Rio. O sistema conta com aproximadamente 60 câmeras de alta tecnologia espalhadas tanto dentro do Beira-Rio como em sua área externa, possibilitando a cobertura completa de todo o Complexo.

"Investimos cerca de R$ 500 mil nesta central de monitoramento. Agora estamos finalizando o treinamento do nosso pessoal, que irá operar o sistema durante 24h por dia. Estamos tornando o Beira-Rio um estádio completamente seguro e adequado às exigências da Fifa. Temos condições de coibir ações violentas antes mesmo que elas ocorram", avaliou Vitorio Piffero.


Vitorio Piffero (2º da esq. para dir.) falou sobre o investimento que o Inter fez na tecnologia de segurança do Beira-Rio às autoridades 

As autoridades visitaram a central de monitoramento e aprovaram a iniciativa colorada. Para Mallmann, atitudes como a do Inter são bem-vindas: "Só temos a parabenizar o Inter. Isso vai contribuir para diminuir a violência no estádio. Agora todos vão poder vir mais tranqüilos aos jogos. Iniciativas como esta devem ser seguidas por todos, pois elas mostram compromisso com a segurança pública", afirmou o secretário de segurança.

O presidente da Assenbléia Legislativa, Frederico Antunes, também elogiou o sistema de segurança colorado: "O Inter foi muito inteligente ao implementar este sistema. Um estádio tem um freqüência diferenciada de pessoas e famílias. Por isso é muito importante investir em segurança para que não ocorram acontecimentos como os registrados no último Gre-Nal disputado no Beira-Rio", avaliou.


Autoridades conferiram de perto o funcionamento da central de monitoramento por câmeras

Todo o monitoramento patrimonial será centralizado contando com uma equipe treinada para oferecer maior segurança e conforto para os sócios, torcedores e freqüentadores do Beira-Rio. Esse serviço funcionará 24h e em dias de jogos e trabalhará em conjunto com a Brigada de Operações Especiais. Desta forma o Beira-Rio se adequou às observações feitas durante a vistoria da Fifa, realizada no último dia 8 de março, pelos diretores da instituição Walter Gagg e Álvaro Gonzalez, além de ampliar o atendimento ao Estatuto do Torcedor (artigos 18 e 25).

"Temos câmeras com zoom que aumentam 54 vezes a imagem. Além disso, todo o sistema está integrado à venda de ingressos e às catracas do estádo. Desta maneira, é possível identificar o RG de um indivíduo através da imagem, pois ele é filmado no momento da compra do bilhete na bilheteria. É um sistema pioneiro em estádios de futebol", explicou o diretor de administração do Inter, Alexandre Limeira.

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual