07/06/2007

INTER DECIDE TÍTULO DA RECOPA NO BEIRA-RIO

Assim como foi na final da Libertadores da América e do Mundia Fifa, a torcida colorada volta a viver o clima de uma decisão de título internacional. E mais: vive a expectativa do clube escrever na história um feito até então não alcançado por nenhum outro time: a conquista da Tríplice Coroa, título não oficial concedidos às equipes que vencem de forma sequencial três títulos.


Procura por ingressos movimentou o Beira-Rio nos últimos dias

A quinta-feira, dia 7 de junho, poderá ser inscrita na história, assim como o 16 de agosto foi com a Libertadores e o 17 de dezembro será sempre lembrado como o dia em que o Inter chegou ao topo do mundo no Japão.

Agora, na decisão da Recopa, o Beira-Rio vai rugir mais uma vez. A procura por ingressos foi intensa nos últimos dias. Longas filas se formaram no pátio do estádio e todos os ingressos colocados à venda para os torcedores em geral foram comercializados cerca de quatro horas antes do começo da decisão. O clube também conta com 38 mil sócios em dia que devem comparecer ao estádio. Das arquibancadas virá o apoio incondicional ao time do técnico Alexandre Gallo durante os 90 minutos do duelo final entre os atuais campeões da Libertadores e da Copa Sul-Americana.

"Vamos assumir a responsabilidade do jogo desde o princípio. O controle tem que ficar nas nossas mãos. Vamos dar a vida por este título. A nossa máxima será superação", prometou Gallo na entrevista coletiva desta quarta-feira.


Inter promete raça na final contra o Pachuca

Em campo, o Inter precisa superar o time mexicano com uma vitória simples por 1 a 0, já que foi derrotado no primeiro confronto, no México, por 2 a 1. O regulamento da Recopa adota o mesmo sistema da Copa do Brasil. O time que somar mais pontos será o campeão. Os critérios de desempate serão o saldo de gol simples de gol e, depois, o do gol qualificado, que vale em dobro na casa do adversário.

Segundo Gallo, o time já está encaminhado. O treinador aguarda apenas pelo teste que o meia-atacante Fernandão fará momentos antes do jogo. "Acredito que os jogadores dormem diferente, se alimentam de forma diferenciada e se concentram com mais objetividade quando já sabem que vão atuar. Por isso já conversei com os titulares. Fico aguardando apenas a resposta do departamento médico em relação ao Fernandão. Mas ele está se preparando para jogar", revelou Gallo.


Alex observa Pinga durante treino: Inter pronto para a decisão da Recopa

Se Fernandão não tiver condições de jogo, Iarley aparece como a primeira opção, já que o centroavante Christian sentiu uma lesão na partida contra o Náutico e ficará aproximadamente duas semanas afastado dos gramados. O zagueiro Índio deve voltar ao time depois de cumprir suspensão relativa à Libertadores no primeiro confronto da Recopa, no México.

Confira os relacionados para o jogo:

Alex (meia)
Alexandre Pato (atacante)
Ceará (lateral)
Clemer (goleiro)
Douglas (zagueiro)
Edinho (volante)
Fernandão (meia-atacante)
Iarley (atacante)
Índio (zagueiro)
Maycon (volante)
Mineiro (zagueiro)
Mossoró (meia)
Perdigão (volante)
Pinga (meia)
Renan (goleiro)
Rubens Cardoso (lateral)
Sidnei (zagueiro)
Titi (zagueiro)
Wellington Monteiro (volante)
Wellington Sousa (atacante)

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual