30/11/2019

Raio-X: todos os detalhes de Botafogo x Inter

O Clube do Povo volta a campo neste sábado (30/11) tentando embalar nesta reta final do Campeonato Brasileiro. A partir das 19h, a equipe colorada enfrenta o Botafogo no estádio Engenhão, no Rio de Janeiro, pela 36ª rodada da competição. O objetivo é voltar a pontuar para garantir a vaga na Copa Libertadores do próximo ano. Confira todos os detalhes que envolvem a partida no Raio-X do confronto!

Luta pela Libertadores

O Colorado segue vivo na briga pela vaga na Copa Libertadores da América de 2020. Com três rodadas para o término da competição, o Inter ocupa a oitava posição da tabela de classificação e, assim, ficaria com a última vaga para a fase preliminar do torneio continental. Ao todo, são 51 pontos conquistados em 35 partidas. Depois de enfrentar os cariocas, o Inter visita o São Paulo e fecha o Brasileirão diante do Atlético-MG, no Beira-Rio.

Já o Botafogo, que vem de vitória fora de casa sobre o Chapecoense, na última rodada, soma 42 pontos até aqui, ocupando a 13ª posição da tabela.

 
Equipe trabalhou com portões fechados na última atividade antes do duelo

Foram apenas dois treinamentos da última para esta partida. O técnico Zé Ricardo não teve muito tempo para trabalhar a equipe, mas ajustou os últimos detalhes do time no trabalho desta sexta-feira (29/11). A atividade foi realizada com portões fechados para a imprensa no estádio Beira-Rio, sem indícios do time que entrará em campo contra o Botafogo. Certo é o desfalque do meio-campista D'Alessandro, o camisa 10 recebeu o terceiro cartão amarelo na última partida e fica de fora. Já Rodrigo Lindoso e Rafael Sobis retornam de suspensão.

Arbitragem paranaense

A partida deste sábado terá Rodolpho Toski Marques no comando do apito. Ele será auxiliado por Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn - trio do Paraná. Já o árbitro de vídeo será Wagner Reway, da Paraíba.

Transmissão mais vermelha da web

A Rádio Colorada torce junto com você tanto no FM 95,5, quanto na Web, via Site e APP do Inter. Quem segue as redes sociais do Clube do Povo (@scinternacional no Twitter, Facebook e Instagram) também poderá acompanhar todos os detalhes em tempo real e conteúdos exclusivos. Na TV, o Premiere realiza transmissão para todo o país.

Restrospecto favorável

Inter e Botafogo se enfrentaram pela primeira vez no longínquo ano de 1931, em partida disputada no Estádio dos Eucaliptos e encerrada com a igualdade de 1 a 1 no placar. Desde então, passados mais de 88 anos, foram mais 26 os empates entre as duas equipes. De sua parte, o Clube do Povo soma 25 triunfos, contra 21 dos cariocas. O colorado já anotou 94 gols, enquanto o time da Estrela Solitária registra 93 bolas na rede.

73 jogos
25 vitórias do Inter
21 vitórias do Botafogo
27 empates
94 gos do Inter
93 gols do Botafogo

Vitória colorada no primeiro turno

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro deste ano, Inter e Botafogo se enfrentaram no Beira-Rio, em partida realizada no dia 31 de agosto. O Colorado saiu com os três pontos vencendo os cariocas pelo placar de 3 a 2 - Rodrigo Lindoso, Edenilson e Nico López marcaram para o Inter, enquanto Diego Souza e Marcinho descontaram para a equipe alvinegra.


Rodrigo Lindoso marcou de cabeça na vitória colorada do primeiro turno

O primeiro triunfo colorado no Rio alvinegro

O Inter viajou à capital carioca em maio de 1974 para enfrentar o Botafogo, em partida válida pela Grupo A do Brasileirão de 1974, chaveamento que integrou a primeira fase da competição. Caminhando para formar o maior time da história do futebol brasileiro, o Clube do Povo, à época, já contava com nomes como Lula, Figueroa e Falcão entre seus titulares. Para a partida diante do time do alvinegro, Rubens Minelli escalou, junto do trio, o goleiro Schneider, os laterais Edson Madureira, direito, e Vacaria, esquerdo, além do zagueiro Bibiano Pontes na zaga; a dupla Tovar e Dorinho na meia cancha; e Claudiomiro e Sérgio Lima no complemento do ataque.

Ex-Fluminense, Lula foi o nome do jogo, e mostrou se sentir em casa no Maracanã - palco que, um ano depois, assistiria ao brilho do ponta-esquerda em partida de semifinal nacional, entre Inter e Fluminense. Logo aos 8, o camisa 11 tabelou com Vacaria e fuzilou as redes do goleiro Cao. A vantagem colorada não abalou o Botafogo, que pelos pés Fischer empatou, e com Puruca virou, aos 16. Revés parcial para o Alvirrubro, que logo seria lamentado por Miranda, lateral-direito dos mandantes. Afinal, coube a ele ser infernizado pelo craque do confronto.

Aos 29, Lula empatou, e dez minutos mais tarde, recebendo cruzamento de Edson Madureira, virou. Ainda no primeiro tempo, a partida via o marcador encontrar os números que lhe serviriam de encerramento. Triunfo importante, que encaminhou a classificação colorada para as semifinais. Ao fim do campeonato, o Inter seria quarto colocado, mesma colocação atingida na temporada anterior, três posições abaixo do posto que ocuparia no ano seguinte.


Outras notícias
Loja Virtual