14/09/2014

Inter vence o Botafogo por 2 a 0 no Beira-Rio


Equipe colorada remotou o terceiro lugar no Brasileirão

O Colorado reencontrou o caminho das vitórias em grande estilo neste domingo (14/09). Com autoridade, a equipe treinada por Abel Braga superou o Botafogo pelo placar de 2 a 0, em jogo válido pela 21º rodada do Campeonato Brasileiro. Alex abriu o placar com um canhotaço de fora da área, ainda no primeiro tempo. Sasha fechou a conta de cabeça, no início da etapa complementar. Com o resultado, o Inter chegou aos 37 pontos e voltou à terceira colocaçao na competição.

A equipe volta a campo nesta quarta-feira (17/09), às 21h, em Recife. A partida, válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, será diante do Sport-PE, na Arena Pernambuco.

Mudanças na equipe

O time colorado teve algumas modificações na escalação em relação aos últimos jogos. Gilberto, emprestado pelo Botafogo ao Inter, não pôde enfrentar os cariocas em função de acordo contratual, bem como Fabrício, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Para as laterais, Alan Ruschel foi escalado pela esquerda e o garoto Diogo pela direita. No meio, Aránguiz voltou ao time no lugar de Willians apos representar a Seleção do Chile. Muriel ganhou chance à frente da meta, mas sentiu lesão na virilha no final do primeiro tempo e foi substituído por Dida.

Primeiro tempo movimentado

As duas equipes foram a campo com formações ofensivas, buscando o gol incessantemente. Assim, o primeiro tempo foi bastante movimentado, com boas chances para ambos os lados. A primeira oportunidade apareceu aos 15 minutos. D'Alessandro entrou na área e arriscou chute colocado, mas o goleiro Jefferson defendeu com segurança. Aos 20min, o argentino cruzou na área e Jorge Henrique desviou de cabeça para fora. Aos 27, o Botafogo respondeu com Wallyson, mas Muriel fez defesa espetacular.

Canhotaço de Alex!


Meia colorado mandou chute venenoso e abriu a conta

A boa e velha bomba de Alex voltou a atacar. Após ensaiar alguma vezes, aos 40 minutos, ele acertou em cheio e Jerferson acabou conhecendo o canhotaço do meia. A bola foi dominada da intermediária pelo camisa 12, que ajeitou à sua maneira antes de emendar um chute cheio de efeito e veneno, estufando as redes do adversário.

Sasha amplia

O Inter voltou para o segundo tempo disposto a resolver a bronca e retomar de uma vez por todas o caminho das vitórias. Logo no primeiro minuto, Alan Ruschel foi ao fundo e cruzou para Sasha. Dedequilibrado pela defesa, o atacante cabeceou para fora. Cinco minutos depois, o lateral esquerdo foi ao ataque novamente e chutou cruzado, mas ninguém conseguiu completar.


Sasha (D) completou cruzamento e ampliou a vantagem

O segundo gol era questão de tempo e o Inter acertou o pé aos 13 minutos. Ou melhor, a cabeça. Alex bateu escanteio pela esquerda e Sasha subiu mais alto que a defesa para ampliar a vantagem colorada. O cabeceio siu com estilo, sem chances para Jeferson. A partir de então, a equipe vermelha administrou o resultado com personalidade. Inclusive, quase aumentou o placar com D'Alessandro. Por quatro vezes, a bola teimou em não entrar. 

 

Ficha técnica

INTER (2): Muriel (Dida 45'/1ºT); Diogo, Paulão, Ernando, Alan Ruschel; Wellington, Aránguiz, Alex, D'Alessandro (Bertotto, 40'/2ºT), Jorge Henrique (Eduardo Sasha, 31'/1ºT); Wellington Paulista. Técnico: Abel Braga

BOTAFOGO (0): Jefferson; Edílson, Bolívar, André Bahia, Junior Cesar; Gabriel, Rodrigo Souto (Ferreyra, 14'/2ºT) e L. Ramírez; Rogério, Wallyson e Zeballos. Técnico: Vagner Mancini

Gols: Alex, aos 40 minutos do primeiro tempo. Eduardo Sasha, aos 13 minutos da etapa final.

Cartões amarelos: Rogério, Bolívar, Sidney (B), Alan Ruschel, Bertotto (I)

Público: 19.456 (16456 pagantes)

Renda: R$ 475.885,00

Arbitragem: Andre Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Cristhian Passos Sorence e Leone Carvalho Rocha (trio goiano).

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.


Outras notícias
Loja Virtual