16/10/2005

INTER VENCE O VASCO POR 3 A 1


Sobis marcou dois gols contra a equipe carioca

O Internacional derrotou o Vasco por 3 a 1 em partida disputada neste domingo no Beira-Rio. Rafael Sobis, duas vezes, e Fernandão marcaram os gols gols do time colorado. William descontou para o Vasco. Com o resultado, o Inter subiu para 56 pontos no Brasileirão, diminuiu a vantagem para sete pontos em relação ao líder Corinthians e manteve a terceira colocação.

O jogo

O time colorado entrou em campo bastante ofensivo. O técnico Muricy Ramalho escalou um meio-campo formado por Gavilán, Tinga, Mossoró e Fernandão. No ataque, estiveram Rafael Sobis e Rentería, de volta depois de disputar dois jogos pela seleção colombiana. Já o Vasco foi escalado em um esquema 4-5-1, com nove jogadores marcando e apenas Alex Dias no ataque.


Rentería voltou a atuar no ataque colorado

O Inter dominou o primeiro tempo e merecia estar vencendo por mais de um gol de diferença. Com um melhor toque de bola, a equipe conseguia criar oportunidades apesar de o Vasco estar bastante fechado. As jogadas partiam quase sempre da direita com a participação de Mossoró, Ceará, Tinga e Sobis. Fernandão armava mais centralizado, enquanto Rentería buscava espaços entre os zagueiros.

Aos 50seg, Jorge Wagner cobrou escanteio e Rentería cabeceou por cima. Aos 3min40seg, Rentería concluiu cruzado e a bola atravessou a pequena área sem que ninguém tocasse nela. Aos 10min, Sobis lançou para o colombiano que chutou de perna esquerda por cima.

A primeira investida da equipe carioca só surgiu aos 14min15seg, quando Róbson Luiz chutou de fora da área por cima. O Inter respondeu aos 16min com Mossoró cruzando para Tinga ajeitar a bola e Fernandão concluir no cantinho. O goleiro Roberto salvou em boa defesa. No lance seguinte, aos 16min40seg, Alex Dias aproveitou um contra-ataque e chutou rasteiro para defesa de Clemer.

Apesar do vento forte e do gramado escorregadio, o Inter jogava melhor e marcava com qualidade. Para se ter uma idéia, a primeira falta do time colorado só foi cometida aos 32min do primeiro tempo. Aos 18min30seg, Fernandão dominou a bola fora da área, olhou para o gol e chutou colocado no ângulo. A bola acertou o travessão impedindo o golaço colorado.


Fernandão teve boa atuação e marcou um gol

Aos 21min45seg, Rafael Sobis tentou de fora da área ao lado do gol. Aos 24min, um susto para o Inter. Jorginho Paulista entrou na área a dribles e a bola sobrou para Alex Dias concluir no poste.

O gol do Inter ocorreu aos 28min40seg. E foi um golaço. Depois de uma boa troca de passes no meio-campo, Fernandão encontrou Rafael Sobis na área, correndo pela direita. O atacante ajeitou a bola na área e chutou cruzado no ângulo. Um lindo gol, candidato a um dos mais belos do campeonato.


Sobis marcou um dos gols mais bonitos do campeonato

Depois do gol, o Vasco tentou reagir, mas o Inter seguia com a posse de bola e marcando bem. Nos últimos minutos da etapa, os dois times perderam boas chances. Aos 44min, Jorge Wagner cobrou escanteio, Fernandão cabeceou no canto e Jorginho Paulista salvou quase na linha da goleira. Um minuto depois, Jorge Wagner cobrou falta e Ediglê cabeceou ao lado do gol.

O Vasco respondeu aos 45min40seg com Róbson Luiz cruzando da direita e Ceará salvando com uma boa jogada de corpo, quando Alex Dias se preparava para marcar o gol. Aos 46min20seg, Jorge Wagner entrou a dribles na área e chutou de pé direito no poste. No rebote, Rafael Sobis cabeceou por cima.

No intervalo, saiu o volante Amaral e entrou o centroavante William no Vasco da Gama.Com isso, o time carioca ganhou mais poder de ataque, mas concedeu espaços ao Inter.

Para a segunda etapa, o Inter voltou em busca de mais gols. Aos 2min40seg, Mossoró arrancou pela direita até a entrada da área e chutou por cima. Aos 4min10seg, Jorge Wagner cruzou e Mossoró cabeceou para grande defesa de Roberto. Aos 5min55seg, Morais chutou de fora da área e Clemer defendeu.


Mossoró mostrou muita disposição em campo

O segundo gol colorado começou com um grande lançamento de Gavilán. O paraguaio encontrou Sobis, que venceu a zaga em velocidade, entrou na área e chutou no canto: 2 a 0. Foi o 15° gol do artilheiro colorado no Brasileirão e o 20° na temporada.

O Vasco tentou reagir em seguida. Aos 10min10seg, Claudemir arriscou e Clemer evitou o gol. Aos 12min30seg, Alex Dias chutou e Clemer defendeu novamente. Aos 13min, o técnico do Vasco, Renato Portaluppi, retirou Morais para a entrada de Fernandinho. Aos 14min50seg, Róbson Luiz cruzou e William cabeceou com perigo. Aos 15min45seg, em jogada semelhante, Fernandinho ergueu a bola para a área e Wiliam desviou de cabeça no canto para descontar.

A partir daí, a partida ganhou mais emoção com o Vasco se lançando o ataque, enquanto o Inter tentava marcar o terceiro gol em contra-ataques. Aos 18min50seg, Ceará cruzou e Rentería cabeceou por cima. Dois minutos depois, Mossoró fez grande jogada pela esquerda, passando por dois, entrando na área e cruzando para Rentería chutar por cima.


Ricardinho entrou no segundo tempo

Aos 23min40seg, Ricardinho, recuperado de lesão no rosto, entrou no lugar de Rentería. Aos 28min, Alex Dias foi lançado, mas Clemer salvou em boa saída do gol. Aos 30min40seg, Mossoró recebeu bom passe de Tinga, entrou na área e chutou para defesa salvadora de Roberto. Aos 32min, Rodrigo foi a campo pelo Vasco no lugar de Róbson Luiz.

Aos 32min40seg, Ricardinho tentou de fora da área com perigo. Aos 34min35seg, Jorge Wagner cobrou falta da direita, Ediglê cabeceou até Fernandão, que matou a bola e completou de carrinho: 3 a 1. Foi o 11° gol de Fernandão no Brasileirão e o 22° do goleador colorado na temporada.


Fernandão está marcando o terceiro gol do Inter: meia-atacante é o artilheiro da temporada, com 22 gols

Aos 37min, entrou Perdigão no lugar de Fernandão. Aos 43min50seg, Ricardinho chutou de fora da área e Roberto salvou com boa defesa. Aos 47min35seg, no último lance da partida, Perdigão chutou de fora da área, a bola bateu na cabeça de Anderson do Ó e passou por cima do gol.

"Pressionamos o tempo inteiro. Foi uma boa atuação e merecemos a vitória. O Inter vai em busca da liderança novamente", afirmou o vice-presidente de futebol, Vitório Piffero.

"Estou conseguindo viver um momento bom para ajudar a equipe. Trabalho cada vez mais para que ela continue por um bom tempo", comemorou Rafael Sobis, autor de dois gols na partida e artilheiro do Inter no Brasileirão, com 15.

Em relação à mudança de esquema tático nos últimos jogos que passou do 3-5-2 para o 4-4-2, o técnico Muricy Ramalho comentou que o importante é a maneira de jogar e não o esquema. "Futebol é simples. O time tem que ter uma maneira de jogar quando ataca e outra quando defende. Não importa se é 3-5-2, 4-4-2 ou 4-3-3. Interessa é ter uma idéia definida", comentou Muricy.

Já sobre o confronto da próxima quarta-feira contra o Boca Juniors, o mesmo adversário que o Inter enfrentou no ano passado pela Copa Sul-Americana, Muricy afirmou que os dois times estão diferentes. "O Inter e o Boca estão melhores do que no ano passado", opinou o treinador.

Internacional (3): Clemer; Ceará, Ediglê, Vinícius e Jorge Wagner; Gavilán, Tinga, Mossoró e Fernandão (Perdigão); Rafael Sobis e Rentería (Ricardinho). Técnico: Muricy Ramalho.

Vasco da Gama (1): Roberto; Claudemir, Éder, Anderson do Ó e Jorginho Paulista; Yves, Amaral (William), Abedi, Róbson Luiz (Rodrigo) e Morais (Fernandinho); Alex Dias. Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: Rafael Sobis (2, I), aos 28min40seg do primeiro tempo e aos 9min25seg do segundo tempo, William (V), aos 15min45seg do segundo tempo, Fernandão (I), aos 34min35seg do segunto tempo. Cartões amarelos: Ceará, Ediglê, Rentería (I), Claudemir e Morais (V). Renda: R$ 48.473,00. Publico: 11.664 (9.231 pagantes). Arbitragem: Sérgio da Silva Carvalho (DF), com Marrubson Melo Freitas (DF) e Ênio Ferreira de Carvalho (DF).  Local: Estádio Beira-Rio.

Fotos: Daniel Boucinha


Outras notícias
Loja Virtual