06/11/2013

Uruguai convoca Forlán para repescagem à Copa do Mundo


Jogador do Inter tenta garantir o Uruguai na Copa do Mundo de 2014

O atacante colorado Diego Forlán foi convocado pelo técnico Oscar Tabárez para disputar a repescagem para a Copa do Mundo de 2014. O camisa 7 do Inter está entre os 24 jogadores uruguaios selecionados pelo treinador para enfrentar a Jordânia, dia 13 de novembro, em Amã, capital do país do Oriente Médio. O duelo de volta ocorre no dia 20, em Montevidéu.

Presença constante na Celeste desde 2002, Forlán está acostumado com esse tipo de decisão. Em entrevista coletiva concedida na manhã desta quarta-feira (06/11) no Parque Gigante, o craque uruguaio pregou respeito ao adversário, mas ressaltou o peso da camisa charrua.

“Nesse jogo, o Uruguai tem mais pressão, mesmo que seja um país pequeno, tem uma história muito rica. Por mais respeito que se tenha com a Jordânia, ela não tem um histórico no futebol como o Uruguai, então temos que ganhar. Agora, isso não quer dizer que vamos ganhar. O jogo de lá será difícil, Austrália e Japão jogaram de visitante e perderam. Então, tem que tomar cuidado”, alertou para depois emendar: “ Depois, em casa, temos que fazer o melhor jogo possível. Será difícil, mas o país todo estará conosco”.

O atacante viaja nesta sexta-feira (08/11) junto à delegação uruguaia para a Turquia, onde será realizado um período de treinamentos em Istambul, entre os dias 9 e 11 de novembro. Após a partida em Amã, a Celeste retorna para o Uruguai e inicia a preparação para o jogo de volta, no dia 20 de novembro, no Estádio Centenário, em Montevidéu. Assim, o jogador desfalcará o Inter por três rodadas, contra Botafogo, Atlético-MG e Goiás.


Camisa 7 mantem bons números com a camisa colorada

Na entrevista coletiva, o uruguaio também aproveitou para ressaltar sua satisfação em defender o Colorado: “Estou muito feliz aqui no Inter, é um time que eu gosto muito. Estou aqui há quase um ano e meio e me sinto muito a vontade. Além de a cidade ser muito bonita”, frisou. Apesar de não conseguir manter a sequência ideal de jogos no Inter, também em função das constantes convocações, ainda assim, em 2013, os números do camisa 7 são muito parecidos com os da temporada 2009/2010, quando atuava pelo Atlético de Madri e quando foi o craque da Copa do Mundo, na África do Sul. Confira:

2009/2010
56 jogos
28 gols
Media de 0,5 gol por jogo ou de 1 gol a cada 158 minutos

2013
35 jogos
17 gols
Média de 0,48 gol por jogo ou de 1 gol a cada 155 minutos


Outras notícias
Loja Virtual