05/07/2005

BEIRA-RIO: O CENTRO DO MUNDO DO FUTEBOL

Na primeira partida da final da Libertadores da América, Atlético/PR e São Paulo empataram em 1 a 1, com gols de Aloísio (Atl.) e Durval (Atl., contra). Jogaram no elogiado Estádio Beira-Rio, que há pouco mais de um mês havia sido casa do show da Seleção Brasileira (foto) em vitória histórica sobre o Paraguai. Depois de ter a Arena Kyocera vetada para sediar o jogo, o Atlético motivou seu torcedor a vir em bom número para Porto Alegre, que correspondeu com mais de 15 mil rubro-negros. Também vieram dois mil são-paulinos, lotando seu espaço. Uma grande platéia e um bonito espetáculo num maravilhoso palco de primeira.

A escolha do Beira-Rio pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) ocorreu em função da qualidade da infra-estrutura oferecida pelo estádio colorado, seja aos torcedores, atletas ou profissionais envolvidos na cobertura da final da Libertadores. No site oficial da entidade (http://www.conmebol.com/), o Gigante recebe elogios e é considerado um dos melhores estádios do continente. Confira um trecho da notícia publicada no site da Conmebol:

?O Estádio Beira-Rio, do Sport Club Internacional, pode abrigar 56 mil espectadores e por sua infra-estrutura é considerado como um dos melhores cenários do continente.? 

Cocito (E) e Amoroso (D) disputam o lance


Torcida do Atlético-PR apoiou o time em grande número


São-paulinos fizeram a festa no Beira-Rio


Outras notícias
Loja Virtual