17/08/2011

Damião e Oscar estão bem cotados no prêmio Bola de Prata

Os jogadores colorados Leandro Damião e Oscar estão bem posicionados na disputa do prêmio Bola de Prata. A premiação é realizada pela revista Placar em parceria com o canal de televisão a cabo ESPN Brasil, e homenageia os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro.


Leandro Damião (E) e Oscar (D) estão entre os melhores do Brasileirão, segundo a Placar

Até agora, o Internacional possui dois atletas entre os favoritos para vencer o troféu em suas posições. Na posição de meia, na qual dois jogadores são premiados, Oscar é o terceiro melhor. Ele está atrás somente de Ronaldinho do Flamengo e Montillo do Cruzeiro. Já o atacante Leandro Damião estaria levando o título de melhor jogador da categoria junto a Liedson do Corinthians.

 Regulamento:

  • Os jornalistas responsáveis pela premiação assistem a todos os jogos do Campeonato Brasileiro. Eles atribuem notas de 0 a 10 aos atletas.
  • São levados em consideração os jogadores com mais de 16 jogos.
  • Ao final do Brasileirão são premiados os jogadores com as melhores médias.
  • A melhor média de todas leva a Bola de Ouro
  • Os jogadores que deixarem o clube antes do fim do campeonato serão eliminados.

Tradição no prêmio:

A Bola de Prata foi criada pela revista Placar em 1970. Desde então foram muitos os jogadores colorados que integraram a lista de melhores nas suas posições. O primeiro foi Elias Figueroa, em 1972. Em 1976, Figueroa também foi o primeiro atleta do Inter a vencer a Bola de Ouro. O Sport Club Internacional é o segundo time com o maior número de atletas vencedores da Bola de Prata (41 no total) e da Bola de Ouro (4 vencedores).

 Lista de jogadores do Internacional que já venceram a Bola de Ouro
 
 Figueroa (1976)
 Falcão (1978 e 1979)
 Taffarel (1988)

Lista de jogadores do Internacional que já venceram a Bola de Prata

 Figueroa (1972, 1974, 1975 e 1976)
 Lula (1974 e 1976)
 Falcão (1975, 1978, 1979)
 Carpegiani (1975)
 Manga (1976)
 Valdomiro (1976)
 Caçapava (1978)
 Mauro Galvão (1979 e 1985)
 Batista (1980)
 Mário Sérgio (1980 e 1981)
 Benitez (1981)
 Luiz Carlos Winck (1985, 1987)
 Ruben Paz (1985)
 Taffarel (1987 e 1988)
 Aloísio (1987)
 Norberto (1987)
 Aguirregaray (1988)
 Nilson (1988)
 Luiz Fernando (1990)
 Márcio Santos (1991)
 Gamarra (1995, 1996)
 Fernando (1997)
 Lúcio (2000)
 Rafael Sóbis (2005)
 Índio (2006)
 Fernandão (2006)
 Nilmar (2008)
 Kleber (2009)
 Guiñazu (2009)


Outras notícias
Loja Virtual