13/02/2005

INTER PERDE EM SANTA CRUZ

O Internacional foi derrotado por 1 a 0 para o Santa Cruz, na tarde deste domingo, em Santa Cruz do Sul. O gol foi marcado por João Miguel aos 31 minutos do primeiro tempo. O Inter pressionou principalmente na etapa final, mas parou na grande atuação do goleiro Fernando Wellington, ex-jogador do Inter. Agora, o Inter precisa buscar a recuperação no segundo turno, no qual tem três partidas no Beira-Rio, uma em Novo Hamburgo e uma em Vacaria. Na próxima quarta-feira, o time decide vaga para a segunda fase da Copa do Brasil diante do Chapadão, no Beira-Rio.

O jogo

O técnico Muricy Ramalho colocou em campo o esquema 4-4-2 com Vinícius fazendo a função de lateral-esquerdo. Diego e Souza formaram a dupla de atacantes. A partida foi muito truncada no primeiro tempo. O Santa Cruz marcou bem, principalmente na intermediária. O Inter também se fechava bem, dando a impressão de que gols só sairiam em lances de bola parada. Aos 7min30seg, Jorge Wagner cobrou falta com perigo e Fernando Wellington, ex-goleiro do Inter, salvou.

O atacante Diego começou com muita movimentação, vencendo os adversários na velocidade. Aos poucos, porém, a marcação sobre ele aumentou, diminuindo as suas ações em campo. Aos 15min30seg, Marcelo Padilha, depois de cobrança de falta, cabeceou livre para defesa de Clemer. Aos 21min, Souza fez grande jogada pela esquerda e tocou para Fernandão chutar forte no alto para outra grande defesa de Fernando Wellington.

Aos 25, Fernandão cabeceou para Diego, na pequena área, perder ótima chance, concluindo por cima. Aos 30, depois de falta, quase João Miguel acertou o gol com uma cabeçada. Um minuto depois, como se fosse uma repetição do lance anterior, Sapucaia desviou cobrança de escanteio na primeira trave, e a bola caiu na cabeça de João Miguel, que só completou: 1 a 0 para o Santa Cruz. Aos 34, Fernandão concluiu, e a bola sobrou para Souza chutar e o goleiro defender. Aos 42, Sapucaia entrou na área e chutou cruzado para fora.

No intervalo, o técnico Muricy Ramalho retirou Souza e colocou Rodrigo Paulista. A proposta era ter Diego e Paulista abertos pelas pontas com Fernandão atuando centralizado. Aos oito minutos, Diego lançou para Fernandão na área que chutou de perna esquerda para fora. O Inter pressionava, mas tinha dificuldades para concluir. Aos 20, Rodrigo Paulista ganhou do zagueiro e chutou forte de fora da área para nova defesa de Fernando Wellington. Aos 23, Diego cruzou e Fernandão cabeceou para defesa sensacional de Fernando Wellington no cantinho. Aos 28, saiu Gavilán e entrou Wellington. A pressão continuou, mas sem surtir efeito até o final.

Santa Cruz (1): Fernando Wellington; Tiago Martins, João Miguel e André; Fininho, Paulinho, Marcelinho (Élton Corrêa), Miguel e William; Sapucaia (China) e Marcelo Padilha (Xavier). Técnico: Hélio Vieira.

Internacional (0): Clemer; Elder Granja, Wilson (Augusto Recife), Índio e Vinícius; Gavilán (Wellington), Tinga, Fernandão e Jorge Wagner; Diego e Souza (Rodrigo Paulista). Técnico: Muricy Ramalho.

Gol: João Miguel (SC), aos 31min do primeiro tempo. Cartões amarelos: Miguel, Sapucaia, William, China e Paulinho (SC); Elder Granja e Gavilán (I). Arbitragem: Leandro Vuaden, com Altemir Hausman e Carlos Bitencourt. Local: Estádio dos Plátanos, em Santa Cruz do Sul.


Outras notícias
Loja Virtual