14/02/2011

Inter mobilizado em Guayaquil

Por Felipe Silveira (texto) e Alexandre Lops (fotos)
Enviados/Guayaquil

Poucas horas depois de chegar ao Equador, o Inter realizou um treino no Banco Pichincha, casa do Barcelona de Guayaquil, maior rival do Emelec, adversário do time colorado na estreia na Libertadores 2011. A atividade foi restrita aos jogadores que não atuaram os 90 minutos diante do Pelotas, pela última rodada do Gauchão. O restante do grupo, formado pela maioria dos titulares, ficou no hotel realizando exercícios leves sob o comando do preparador físico Fábio Mahseredjian.


Parte do grupo colorado treinou com bola, enquanto o restante fez exercícios físicos

O técnico Celso Roth orientou um treino com campo reduzido por cerca de uma hora no estádio que abriga cerca de 85 mil torcedores. Primeiro, a posse de bola foi exercitada, depois, as finalizações. Participaram da movimentação os goleiros Lauro e Renan, o zagueiro Rodrigo, o lateral Daniel, os volantes Tinga, Glaydson e Bolatti, o meia Andrezinho e os atacantes Alecsandro, Cavenaghi e Alex.

O treino foi acompanhado por dezenas de jornalistas equatorianos, além de repórteres brasileiros. Após a atividade, o grupo colorado retornou para o hotel onde permanecerá concentrado até a hora do treino de reconhecimento do estádio George Capwell, programado para o final da tarde desta terça.

Novo uniforme

A delegação colorada viajou para o Equador com os novos uniformes, lançados na última quinta-feira, na bagagem. O Inter estreará a nova camisa de jogo diante do Emelec, mas no treino desta tarde os jogadores já vestiram os novos fardamentos de treino, que sofreram diversas modificações em relação ao anterior. Predominantemente na cor vermelha e com detalhes brancos, o uniforme agora  h traz as marcas dos patrocinadores Banrisul, Unimed e TIM destacados no verso da camisa.


Jogadores vestiram o novo uniforme de treinos criado pela Reebok


Outras notícias
Loja Virtual