07/12/2010

Beira-Rio vira sala de cinema e Inter despede-se de sua torcida

Por Marcos Bertoncello (texto)
e Alexandre Lops (fotos)

“Sim, nós podemos”. Esta frase já virou lema para o Internacional e sua torcida. A noite desta terça-feira foi só mais uma prova disso. O estádio Beira-Rio virou sala de cinema e os mais de 27 mil torcedores compareceram para acompanhar o filme “Absoluto – Internacional Bicampeão da América”. De quebra, puderam se despedir do grupo colorado, que embarca nesta quarta para Abu Dhabi, onde disputa o Mundial de Clubes FIFA, e demonstrar ainda mais o orgulho de ser um apaixonado pelo Inter.


Céu vermelho: fogos de artifício levaram a torcida ao êxtase

Mobilização

Foi surpreendente o contingente de torcedores que foram ao Beira-Rio nesta noite. Ainda pelo turno da tarde, filas já se formavam em frente aos portões de acesso do estádio. Parecia uma verdadeira final de campeonato. “Arrepia, sem dúvidas. Isso nos dá ainda mais confiança para buscarmos o bi mundial”, reconheceu o meia D’Alessandro, que já no vestiário ouvia e sentia o carinho dos colorados. Uma grande atração da festa foram os fogos de artifício que iluminaram o céu de Porto Alegre, recordando o dia 18 de agosto de 2010, o 16 de agosto de 2006 e tantas outras datas em que o Inter sagrou-se campeão dentro de casa.


Multidão colorada acessa as arquibancadas superiores do Beira-Rio

Capitão porta-voz

O cantor Thedy Corrêa, do Nenhum de Nós, foi o mestre de cerimônia. Inflamou a torcida e, na hora de chamar os jogadores, que aguardavam quietos na boca do túnel do vestiário, a festa foi extraordinária. Vibração, alegria e reconhecimento contagiavam cada atleta no meio do campo do Beira-Rio. O capitão Bolívar tomou o microfone e foi o porta-voz do grupo: “Daremos a vida neste Mundial e faremos de tudo para voltar para cá com este título, podem ter certeza”.


Bolívar: "Lutaremos muito pelo bicampeonato mundial"

Recorde

Foram mais de 27 mil torcedores no estádio Beira-Rio para assistir ao filme “Absoluto”. A convocação foi feita e a massa colorada compareceu para quebrar mais este recorde, desta vez, fora dos gramados, mas nem tanto assim. Os torcedores ficaram nas arquibancadas inferior e superior vendo as imagens exibidas em uma tela gigantesca instalada à frente das sociais do Gigante. Um verdadeiro show de união entre Clube e torcida. A façanha rendeu o recorde de exibição de um longa e entra no Livro dos Recordes (Guinness Book). “É fantástico. Não há palavras para esta torcida maravilhosa que sempre dá a resposta quando pedimos. Estão de parabéns”, creditou o diretor executivo de marketing do Inter, Jorge Avancini.

De chorar

E que filme! “Absoluto” retrata detalhadamente toda a trajetória vitoriosa do Internacional na Libertadores 2010. Cada jogo, uma história que mexia com os brios da torcida. Entrevistas reveladoras, imagens exclusivas de bastidores, lances emocionantes. Tudo isso recheia o filme dirigido por Vicente Moreno, roteirizado por Luís Augusto Fischer e produzido por Gustavo Ioschpe, da G7 Cinema. A conquista do bi da América está muito bem narrada neste longa.


Grito, riso, choro e aplausos: torcida colorada emocionou-se com filme 'Absoluto'

Nas arquibancadas do Gigante, a cada memorável lance da Libertadores, o público ia do delírio ao choro, tamanha emoção transmitida no filme. Após a cena final, os torcedores aplaudiram de pé e logo começaram a entoar cânticos de partida, enviando, assim, energias positivas ao Internacional.


Outras notícias
Loja Virtual