15/10/2010

Todo cuidado é pouco para o Mundial

Por Felipe Silveira (texto) e
Alexandre Lops (fotos)
Direto do Rio de Janeiro

O Inter segue firme na luta pelo título do Brasileirão, mas não perde de vista a disputa do Mundial FIFA, em dezembro, nos Emirados Àrabes. A ideia é seguir o planejamento de não expor os atletas ao risco demasiado de lesões que poderiam atrapalhar o time na busca pelo bicampeonto mundial.

"Temos como foco o título do Brasileirão, é claro, mas independente dos resultados, estamos sempre atentos ao presente. Se algum jogador apresentar um problema, está fora. Não vamos forçar com ninguém. Faltam cerca de 50 dias para o Mundial, por isso precisamos que ter um cuidado maior no sentido físico, evitando possíveis lesões", alerta o técnico Celso Roth.


Celso Roth quer aproveitar semana sem jogos para treinar o time

A partir de agora, o objetivo é buscar a alta perfomance nos treinos para que o grupo se prepare da melhor forma possível para as exigências da competição em Abu Dhabi. Neste sentido, o intervalo de uma semana que haverá entre os jogos do Brasileirão após a rodada deste final de semana é comemorada por Roth. "Agora vamos poder treinar e não só recuperar os jogadores. Desde que cheguei ao Inter não tivemos uma semana livre. Nosso objetivo é manter a alta performance até a disputa do Mundia", projeta.


Outras notícias
Loja Virtual