14/03/2010

Inter empata em Veranópolis: 1 a 1

O Internacional empatou em 1 a 1 com o Veranópolis na tarde deste domingo, na Serra Gaúcha, em jogo válido pela terceira rodada do returno do Gauchão. O time da casa abriu o placar na etapa inicial, mas D´Alessandro empatou, de pênalti, no segundo tempo. O resultado deixa o time colorado ao lado do São José-POA na liderança do Grupo 2, com sete pontos.

O Inter teve uma equipe bastante diferente na Serra Gaúcha. Como o time colorado jogará pela terceira rodada do Grupo 5 da Libertadores na próxima quinta (18/3), diante do Cerro de Montevidéu, em Rivera, o técnico Jorge Fossati escalou uma equipe mista contra o Veranópolis. O técnico uruguaio aproveitou jogadores do grupo principal e do Inter B.

O zagueiro Fabiano Eller foi a grande novidade, voltando a atuar após afastamento por lesão desde o Gre-Nal do final de janeiro, ainda pela fase classificatória do Gauchão. A equipe teve também uma estreia: o zagueiro Ronaldo, contratado em fevereiro junto ao Atlético-PR, ganhou uma chance no sistema defensivo. D’Alessandro iniciou a partida para readquirir ritmo de jogo.


Taison sofre com a marcação dura: Inter encarou difícil partida em Veranópolis (fotos: Alexandre Lops)

Fossati montou o time no esquema 4-4-2. Wagner Silva desempenhou a função de lateral-direito e Nei atuou pelo lado esquerdo. O meio-campo teve Wilson Mathias, Andrezinho, Thiago Humberto e D’Alessandro. Taison e Leandro Damião formaram a dupla de ataque.

Inter elétrico

O Inter começou a partida em alto ritmo. Logo aos 10seg, D´Alessandro acertou um chutaço da intermediária e quase marcou um belo gol. Aos 4min, Thiago Humberto foi lançado e chutou forte para defesa salvadora de Luiz Muller. No rebote, Thiago Humberto tocou em Leandro Damião que chutou duas vezes sobre a zaga. Só dava Inter. Aos 10min, Nei foi lançado e tocou em Taison, que rolou até Thiago Humberto chutar colocado para nova defesa do goleiro. Nova defesa salvadora de Luiz Miller.

O toque de bola do time colorado era envolvente, com os meio-campistas se movimentando bem e acionando os atacantes a todo o tempo.  Aos 18min, Taison avançou pela ponta direita e cruzou para Leandro Damião, que concluiu de letra e quase marcou um golaço. A bola passou ao lado, com muito perigo. Aos 24min, Andrezinho cobrou uma falta por cima do gol. O chute foi colocado, buscando o ângulo direito.


Thiago Humberto apresentou boa movimentação no meio-campo

Aos 26min, Eduardinho arriscou de fora da área colocado e a bola passou perto. Foi a primeira chance de gol do time da casa. O Inter contra-atacou na jogada seguinte: Nei cruzou da esquerda, Taison entrou de carrinho e a bola sobrou para Leandro Damião chutar por cima de dentro da pequena área. Havia dois defensores bem a sua frente dificultando a conclusão. Aos 33min, D´Alessandro cobrou  falta no cantinho e Luiz Muller defendeu.

Injustiça no placar

O Inter alugava o meio-campo, colocando o Veranópolis todo na defesa, mas não conseguia concluir. Em um lance de bola parada, aos 36min, o time da Serra Gaúcha acabou abrindo o placar. Romano cobrou falta, a bola passou pela barreira e entrou no cantinho esquerdo. Aos 38min, em nova falta, Marquinhos chutou e a bola passou perto do gol defendido por Lauro.  O gol arrefeceu um pouco o ânimo colorado. O primeiro tempo acabou sem que o Inter criasse mais nenhum lance de perigo.

No intervalo, Fossati colocou Juan no lugar de Wagner Silva. Com isso, Nei passou para atuar na lateral-direita.

Dificuldades no segundo tempo

O segundo tempo começou com um susto. Aos 30seg, após falta cobrada para a área, Cris cabeceou ao lado do gol, com perigo. Aos 9min, Andrezinho cobrou falta e Leandro Damião desviou de cabeça por cima, numa boa chance para o Inter. Aos 12min, Ademir cruzou da direita e Marcelo Ramos cabeceou com perigo por cima, em outra boa investida do VEC.


Nei salta para afastar a bola: lateral foi incansável na marcação

O Veranópolis voltou com mais ofensividade para a etapa final, aproveitando os contra-ataques. Aos 15min, Leandro Damião deixou o campo para a entrada de Kléber Pereira. Aos 17min, Raulen recebeu na área e cruzou forte para a boa defesa de Lauro. Aos 19min, Taison fez boa jogada, arrancou pela intermediária e foi até a entrada da área, onde chutou forte ao lado do gol.

Os dois times perderam jogadores por expulsão na etapa final. Primeiro, aos 20min, Cris deu entrada violenta em Andrezinho e recebeu o cartão vermelho. Dois minutos depois, Wilson Mathias foi expulso após cometer falta.

D'Alessandro garante empate

O Inter tentava pressionar, mas não conseguia furar o bloqueio do time da casa. Aos 29min, Andrezinho chutou colocado no ângulo e Luiz Muller fez defesa sensacional. Aos 32min, D’Alessandro girou em cima de Fernando Miguel no interior da grande área e foi derrubado pelo volante da equipe serrana. É pênalti! O próprio D’Alessandro cobrou no cantinho esquerdo e deixou o placar igual: 1 a 1. Foi o 16º gol do argentino pelo Inter. O gol da virada quase saiu aos 36min, em uma cobrança de falta de Andrezinho que Luiz Muller buscou no ângulo.


D'Alessandro comemora o gol de empate com os companheiros

Fossati fez a última alteração aos 41min, quando colocou Marinho no lugar de Taison. Aos 43min, o Inter ficou com nove jogadores em campo, já que o zagueiro Ronaldo foi expulso depois de fazer uma falta no atacante do Veranópolis. Um festival de cartões foi distribuído durante a partida: 12 amarelos e três vermelhos.

Já nos acréscimos, Andrezinho fez bom passe para Kléber Pereira, que desviou para o gol. No entanto, o juiz anulou o gol por impedimento. Foi o último lance da partida. O resultado deixou o Inter na liderança do Grupo 2 ao lado do São José-POA, ambos com sete pontos. No próximo domingo (21/3), o adversário é o Pelotas, no Beira-Rio.

"Tivemos poder reação e buscamos o empate. É claro que queríamos sair com a vitória, criamos diversas oportunidades, mas não conseguimos fazer mais gols. Precisamos melhorar", avaliou o técnico Jorge Fossati.

"O resultado foi bom. É jogo de Gauchão. Estamos administrando nossa participação no Gauchão simultaneamente à Libertadores", afirmou o vice-presidente de futebol Fernando Carvalho.

"Foi importante o jogo, porque joguei os 90 minutos. Não foi bom porque o Inter não ganhou", disse D´Alessandro.

"Futebol é assim. Quem não faz leva. Campeonato Gaúcho não tem jogo fácil", disse Andrezinho.

Veranópolis (1): Luiz Muller, Raulen, Ademir, Marcelo Ramos e Romano; Marquinhos (Fernando Miguel), Cris, Eduardinho e Dudu; João Paulo (Fernando) e Kito. Técnico: Gilmar.

Internacional (1): Lauro; Wagner Silva (Juan), Ronaldo, Fabiano Eller e Nei;, Wilson Mathias, Andrezinho, D´Alessandro e Thiago Humberto; Taison (Marinho) e Leandro Damião (Kléber Pereira). Técnico: Jorge Fossati.

Gols: Romano (V), aos 36min do primeiro tempo, D´Alessandro (I), aos 33min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Cris, Kito, Marquinhos, Romano, Fernando Miguel, Dudu (V), Wilson Mathias, Ronaldo, Fabiano Eller, Juan, Nei, Marinho  (I). Expulsões: Cris (V) e Wilson Mathias, Ronaldo (I).

Arbitragem: Márcio Chagas da Silva, auxiliado por Alexandre Antônio Prunelli Kleiniche e Júlio Cesar Espinoza de Freitas.

Local: Antônio David Farina, Veranópolis.

Fotos: Alexandre Lops


Outras notícias
Loja Virtual