15/12/2009

Fernando Carvalho lança livro 'De Belém a Yokohama'

Uma badalada sessão de autógrafos marcou o lançamento do livro 'De Belém a Yokohama', na noite desta terça (15/12), na Livraria Saraiva do shopping Praia de Belas . Escrito pelo vice-presidente de futebol do Inter, Fernando Carvalho, com colaboração Luís Augusto Fischer e editado pela G7 Books, a obra conta com riqueza de detalhes a trajetória do emblemático dirigente colorado no Sport Club Internacional e os reflexos dela em sua vida pessoal. 


Fernando Carvalho (E) e Luís Augusto Fischer na sessão de autógrafos no Praia de Belas

Mais de 400 torcedores, dirigentes e ex-dirigentes do Inter e personalidades prestigiaram a sessão de autógrafos. Até mesmo parte da banda da Torcida Popular fez uma apresentação, levando um pouco do clima do Beira-Rio para a livraria. "É um motivo de muito orgulho lançar este livro. Sou colorado, faço parte desta torcida antes de tudo. Minha vida sempre se confundiu com a do Inter, e nada melhor do que poder registrar nas páginas este meu amor", disse Carvalho. O carisma do presidente colorado na conquista do Mundial no Japão, em 2006, pôde ser mais uma vez comprovado pelas diversas fotos que foi convidado a fazer junto aos torcedores entre um autógrafo e outro.


Banda da Torcida Popular fez uma intervenção na livraria

O escritor  Luís Augusto Fischer, também presente na sessão de autógrafos, mostrou-se lisonjeado com o convite para participar da obra: "Tive o prazer de ser convidado para colaborar com este registro", disse. Com 266 páginas, o livro traz um caderno de 16 páginas com 30 fotos coloridas, entre as quais 22 inéditas, compiladas do arquivo pessoal de Carvalho. O autor destinará 100% de seus royalties à AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente – entidade filantrópica sem fins lucrativos. De Belém a Yokohama é um relato inédito, por sua franqueza e riqueza de detalhes, de um protagonista brasileiro do esporte mais popular do planeta.


Fernando Carvalho recebe os cumprimentos da torcedora

> Breve sinopse da obra

Quem é o homem por trás do dirigente? Como se forjou o seu coloradismo? Como decidiu passar de torcedor a dirigente e, logo depois, chegar à presidente de um dos maiores clubes de futebol do mundo? Neste livro o próprio Fernando relata sua longa trajetória com o Inter, desde o primeiro jogo no Estádio dos Eucaliptos até os bastidores do grande jogo em Yokohama, contra o Barcelona. Aqui, pela primeira vez, Carvalho narra em detalhes sua primeira e difícil passagem no departamento de futebol do Inter, na década de 80, que terminou em insucesso. Conta também o seu retorno ao clube como dirigente das categorias de base, levado pelo desejo de melhorar o time em que atuava seu filho Martin.

Nas páginas do livro  'De Belém a Yokohama'., o sempre tão firme dirigente revela suas muitas dúvidas e seus momentos de angústia, como quando enfrentou um motim de jogadores ou a terrível passagem causada pela “máfia do apito”, em que o Inter ficou entre o título e o rebaixamento. Carvalho explica aquilo que todo torcedor tem vontade de saber: como se contrata um técnico, as negociações de jogadores, os momentos de discórdia – e de alegria – de um vestiário. O presidente eterno dos colorados rememora o sufoco do jogo contra o Paysandu e a tensão do momento mais sublime da história colorada, nos gramados japoneses.
 
 “O livro que o leitor tem agora nas mãos carrega junto uma parte da vida dos colorados. Ao escrever essas lembranças e reflexões, o que me moveu foi a vontade de compartilhar uma fatia dessa história, que acompanhei de perto, que vivi intensamente, que trago no coração para sempre. Os colorados, que eu conheço de perto porque sou um deles, por certo vão gostar de conhecer detalhes, bastidores, algumas histórias nunca antes reveladas, uma série de informações, enfim, que ajudam a dar a dimensão superior que a nossa vitória em Yokohama realmente tem. Tínhamos quase cem anos de história do Inter para valorizar e mostrar ao mundo. E conseguimos. Não há colorado no mundo que precise se rebaixar diante de qualquer — qualquer — time adversário ou rival. Ninguém foi mais longe que nós”, afirma Fernando Carvalho.           


Outras notícias
Loja Virtual